Colunistas

18/01/2018 15:54

Como suas emoções podem lhe ajudar a emagrecer

É sempre bom lembrar que a emoção só se sustenta diante da materialidade do mundo. Basta perceber que ao pensar ou imaginar, se pensa e imagina alguma coisa. Mesmo que aquilo que se imagina não exista, foi construído por elementos que se conhece. E porque isso é importante? Porque para manter um foco por muito tempo, como numa dieta, é fundamental que a motivação esteja presente. E no caso da dieta nada melhor do que perceber que se está entrando numa calça que já não nos servia mais. E também se pode visualizar o corpo magro que espera ter. Imaginar situações sociais com o corpo magro facilita manter o foco na dieta.

Porém seja autêntico, defina o corpo que você deseja sem se influenciar sobre o que a mídia define que deva ser um corpo belo. Para o projeto de emagrecimento dar certo é importante que você queira fazer por si próprio. E foque num corpo saudável e não apenas belo, visto que viver atrás de um corpo belo está muito mais ligado a carência, deixando a pessoa vulnerável emocionalmente, contribuindo para a pessoa se frustrar.

Uma dica importante é fazer a dieta em grupo, pois os demais participantes tende a incentivar quem desanima. Mesmo que não queira participar de um grupo formal de emagrecimento, é interessante dizer às pessoas que convive que está fazendo dieta. Pois dessa forma você pode solicitar ajuda a todos para manter seu propósito de emagrecer. Algumas pessoas por vergonha e receio de ser ridicularizada negam a própria dieta. Mas ao falar, ou quando alguém questionar se você está fazendo dieta é importante responder que sim e que está contando com os amigos para lhe ajudar. Dessa forma você compromete o outro a lhe ajudar caso ele se considere seu amigo.

Visualizar-se magro e deixar claro as amigas e amigos que deseja contar com o apoio de todos para manter seu projeto de emagrecimento são duas dicas valiosas para manter o foco na dieta. Porém se você não consegue por vergonha fazer isso, talvez seja o momento de procurar um psicólogo para lhe ajudar a construir o que se chama tecnicamente de segurança de si, pois às vezes são as estruturas da personalidade que jogam contra a própria pessoa.

Psicólogo Flávio Melo Ribeiro


CRP12/00449


Sulenorte530f5faaa10d5 26904052 1401088410020007 3468956295198393236 n 19944622 1768075189889160 2633147811106186329 o
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo