Ariquemes (RO), 16 de dezembro de 2019

Colunistas

Brasil 29/11/2019 11:09 Da Assessoraria

Brasil encerra ano com vitória e favoritismo para o título Mundial de 2022

A temporada da Seleção Brasileira terminou com vitória sobre a Coreia do Sul após acumular empates e derrotas nos cinco amistosos anteriores. O resultado fez a equipe fechar o ano, que ficou marcado pela conquista da Copa América, com boas perspectivas para o futuro. Os portais de apostas indicam que o time comandado por Tite continua sendo um dos principais favoritos para o Mundial de 2022, enquanto França, Alemanha e Espanha correm por fora na disputa pelo título mais importante do futebol.

Durante todo o ano, foram 16 jogos disputados pelo Brasil, sendo 10 amistosos e seis partidas pela Copa América. O aproveitamento, segundo números do portal da ESPN Brasil, foi de 62,5%, com oito vitórias, seis empates e duas derrotas. Além disso, a equipe de Tite também conquistou o título da Copa América e subiu nas projeções para a disputa de títulos das próximas temporadas, principalmente no Mundial de 2022.

 

Entretanto, esse favoritismo não fala por si, e nós aprendemos isso na Copa do Mundo de 2018, quando a Seleção caiu para a Bélgica nas quartas de final. O site esportivo UOL lembra que o time era considerado, por diferentes sites e jornais, o maior candidato para o título na Rússia. No entanto, o que se viu do Brasil foi pouco futebol e uma eliminação mais do que merecida para o surpreendente elenco belga.

Em 2022, o técnico Tite precisa trabalhar para não cair no mesmo erro. Isso porque a Seleção aparece, novamente, como principal favorita ao título no portal da Betfair de aposta esportiva. No dia 28 de novembro, a vantagem era de 18,2% contra França e Alemanha, mas esses números podem mudar nos próximos meses, principalmente com a disputa da Euro 2020 e também da 47ª edição da Copa América.

Disputa na Europa

Os números para o maior torneio europeu são diferentes daqueles para o Mundial no Qatar. A Alemanha, por exemplo, aparece apenas como quinta seleção nas projeções para o título. Enquanto isso, a Inglaterra é colocada como grande favorita ao título da Euro. A França corre por fora, mesmo que seja a atual campeã mundial. Ou seja, o torneio promete ser um dos mais equilibrados que o Velho Mundo já viu.

 

A Euro 2020 será disputada em 12 países diferentes, com a final acontecendo em Londres. É uma edição especial por conta dos 60 anos da disputa e, por isso, vai atravessar quase o todo o continente. Portugal, atual campeão, não irá receber jogos, mas deve entrar como principal surpresa, principalmente com a liderança de Cristiano Ronaldo. O jogador da Juventus pode ser um diferencial, como foi em 2016.

Seja como favorita ou não, a Seleção Brasileira precisa se encontrar dentro de campo. Tite ficou cinco jogos sem vencer após a conquista da Copa América e se salvou no último amistoso do ano. A vitória sobre a Coreia do Sul aliviou a situação do técnico, que vai ter um 2020 bem cheio. Os torcedores acreditam que será preciso um trabalho muito melhor para que, em 2022, o sonho do hexa finalmente saia do papel.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo