Entretenimento

Brasil 04/05/2018 12:13 msn

Fabio Assunção segue preso e se nega a pagar fiança: 'Vai tentar reverter'

Fabio Assunção terá que pagar fiança de R$ 30 mil para deixar a delegacia

Preso em São Paulo após se envolver em um acidente de trânsito, Fabio Assunção se encontra no 78º Distrito Policial, na rua Estados Unidos, na região dos Jardins. Theodoro Balducci, advogado do ator, disse que ele não vai deixar a prisão enquanto não pagar a fiança de R$ 30 mil arbitrada pelo delegado. "Ele vai ficar preso. Agora vai para uma audiência de custódia para tentar reverter a prisão, porque o Fábio não quer pagar. Ele está bem, tranquilo mas está indignado. Ele não quer pagar essa fiança por uma questão de princípios.Essa prisão é absolutamente ilegal. Foi um acidente que poderia acontecer com qualquer um de nós", declarou ao "G1".

Ator foi autuado por embriaguez ao volante

Intérprete do Ramiro, da supersérie "Onde Nascem os Fortes", Fabio bateu o carro em outros veículos nesta quinta-feira (3). A Polícia Militar, então, foi acionada e quando chegou ao local, o artista se recusou a fazer o teste do bafômetro. Segundo o órgão, ele também apresentava sinais de embriaguez e, orientando por advogados, aceitou fazer exame clínico no Instituto Médico Legal. "Fui na farmácia e bati no carro da frente, foi só isso. Estou sendo levado de um lado para o outro. Não faço menor ideia. Lamentável! Gente, eu preciso realizar o que está acontecendo, porque realmente é lamentável isso", explicou o global.

Fabio foi preso em junho de 2017

No ano passado, Fabio foi detido em uma festa de São João em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco, onde teria agredido pessoas e desacatado policiais. Ele ainda foi acusado de ter quebrado um dos vidros da viatura em que foi levado. Na época, o ator foi ouvido em uma audiência de custódia, pagou fiança e foi liberado. "Era uma noite de comemoração. Todos beberam. Houve uma situação de agressão que gerou confusão. Eu levei três chutes na cara. Fui ao hospital. Chamaram a polícia para me proteger. Quando os policiais me abordaram, com truculência, eu reagi. Fui algemado e colocado no carro. Não quero me vitimizar. Eu desacatei, resisti. Mas não havia nada que justificasse a prisão. Aquilo é fruto de um nervosismo causado pela própria exposição, que é uma perversão, na verdade. Como isso interferiu, me deixou inseguro, com medo naquela situação, entende? E as pessoas me agridem por esse vídeo. Isso é um sadismo virtual que não diz nada. Não reflete a minha personalidade nem a minha conduta", lamentou em seu Instagram.


Sulenorte530f5faaa10d5 26904052 1401088410020007 3468956295198393236 n 19944622 1768075189889160 2633147811106186329 o
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo