Esporte

19/05/2017 22:43

Vice-prefeito de Porto Velho é citado nas delações da JBS

Segundo a delação, os pagamentos foram feitos mediante envio de dinheiro a um banco da filial da JBS em Porto Velho

Rondônia. Entre 2012 e 2014 teria sido pago cerca de  R$ 2 milhões  e, em 2015, mais  R$ 1,8 milhão.

Após adquirir fábricas da Guaporé Carnes em Rondônia, segundo Boni, a JBS foi procurada pelo contador da empresa Guaporé, Nilton do Amaral, para uma reunião.

No encontro Boni relatou a proposta de pagamento de propina ao dono de uma empresa de contabilidade denominada Rio Madeira apresentado apenas como Clodoaldo; e também a Edgar Nilo Tonial, conhecido como Edgar do Boi, atual vice-prefeito de Porto Velho pelo PSDC.

Segundo a delação, os pagamentos foram feitos mediante envio de dinheiro a um banco da filial da JBS em Porto Velho. Um funcionário sacava o dinheiro em espécie e entregava a Clodoaldo. A propina seria repassada a algum fiscal, mas Valdir Boni disse não ter conhecimento de quem seria essa pessoa.

O vice-prefeito de Porto Velho, Edgar do Boi, disse que não vai se pronunciar a respeito até ter acesso aos áudios.

Clodoaldo Andrade, dono da Rio Madeira contabilidade, disse que não pode se pronunciar porque desconhece o teor dos áudios. A reportagem ainda não conseguiu contato com Nilton do Amaral.


Sulenorte530f5faaa10d5 26904052 1401088410020007 3468956295198393236 n 19944622 1768075189889160 2633147811106186329 o
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo