Rondônia

Rondônia 03/08/2018 09:49

Porto Velho sedia a 1° Campus Party e vira a nova capital digital do Brasil

Encontro acontece até próximo domingo (5) prometendo 250 horas de conteúdo e internet de alta velocidade. Evento chegou no Brasil há 11 anos.

Até o próximo domingo (5), Porto Velho é a nova capital digital do Brasil. A cidade sedia, pela primeira vez, o maior evento de tecnologia da América Latina: a Campus Party. O encontro acontece há mais de 20 anos em 20 países. Em solo brasileiro, a jornada tecnológica começou por São Paulo há 11 anos.

Em Rondônia, serão ministradas 300 palestras com os maiores gênios da área para ao menos cinco mil participantes. Ou seja, 250 horas de conteúdo.

Ao todo, são esperadas cerca de 40 mil pessoas durante os cinco dias de evento, segundo a organização. No local, foram montadas três áreas: open campus, arena e camping.

Em meio aos antenados e sedentos pelo mundo digital, há aqueles que querem aproveitar ao máximo cada segundo do encontro nerd: os chamados campuseiros.

Para que os participantes acampem e durmam, três ginásios foram preparados com 1,8 mil barracas no Serviço Social da Indústria (Sesi), localizado na Avenida Rio de Janeiro. Na maior parte do tempo, eles ficam com os olhos e a mente focados no computador em inúmeras atividades: seja jogando videogame, desenvolvendo um projeto ou apenas trocando informações.

Para isso, contam com uma internet de alta velocidade. Segundo Tonico Novaes, diretor-geral da Campus Party Brasil, a internet veloz contribui para que o campuzeiro possa jogar e interragir virtualmente da forma que quiser.

"Falamos de internet com qualidade para que o campuseiro possa fazer um upload e um dowload com muita velocidade para jogar e programar. Ele pode fazer o que ele quiser aqui ", explicou o diretor.

Entre uma das tarefas no encontro, o Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO) lançou um desafio aos campuseiros. Eles devem criar um sistema que objetive acelerar o andamento dos processos que chegam ao órgão.

"Nada melhor do que os jovens, que estão mais perto da modernidade, mais perto da tecnologia. Para que tragam essas soluções", disse o analista de sistema do tribunal, Ricardo Machado.

Quatro participantes aceitaram a missão. Eles estão desenvolvendo um software para ser usado por conciliadores de Justiça. O objetivo é transformar os processos que chegam nas sessões para o digital, já que é tudo feito no papel.

Com isso, fazer com que o trâmite do caso seja resolvido de forma mais rápida.

Como funciona cada área da Campus?

  • Arena: é o espaço reservado para bancadas de acesso à internet de alta velocidade (20 gigas). Quatro palcos foram feitos para apresentação de palestrantes nacionais e internacionais.
  • Camping: onde são montadas as barracas para os 'campuseiros' que vão ficar acampados cinco dias no evento. Ao todo, são 1,8 mil barracas.
  • Open Campus: é a área gratuita dentro da Campus. Por lá serão feitos os torneios de drones, batalhas de robôs, stand para apresentação de projetos e simuladores.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo