23 C
Ariquemes
terça-feira, janeiro 19, 2021
Início Notícias,Destaques principal,Justiça ADJORI: poderá entrar como uma denuncia de investigação MP sobre a mídia...

ADJORI: poderá entrar como uma denuncia de investigação MP sobre a mídia do Governo e do Legislativo

ADJORI (ASSOCIAÇÃO DOS JORNAS DO INTERIOR) através do WhatsApp convocou uma reunião com todos os associados da (ADJORI), para explicar os motivos de não a mídias para os jornais do interior, o presidente da Associação dos jornais do interior esteve na Capital do Estado, se reuniu com o Empresário Júnior da Agência de Publicidade, onde o mesmo não obteve ótimo noticias para os jornais semanários da que circulam no interior do estado, na reunião o empresário Júnior falou que os responsáveis pela mídia do Governo não querem repassar a mídias publicitaria para os semanários. Eles alegam o não porque, que as matérias nos semanários ficam muita velha! Muito bem! Quero saber dos sábios das mídias, do Governo e da Assembleia Legislativa, sobre estas revistas mensais o trimestral, semestrais, que circulam com matérias velhas, que tem mídias dos ambos os órgãos mencionados linhas acima, vamos mais adiantes! Sobre os outdoors, que é fixado nas principais esquina e avenidas da Capital do estado e dos interiores e nos principais trechos da BR 364, com propagandas Governamentais e parlamentares, ficando exposto há três, há quatro meses, com matérias atrasados e velha, como os Senhores sábios das mídias falam e os vídeos informativos, roda nas principais, Emissoras de rádios e TVs, o mês inteiro, com a mesmo publicidade, principalmente no ano eleitoral, repetidamente, durantes três meses antes do pleito, não é matéria velha, e os Bannys educativos, emergencial, da saúde, como a doença causada pelo o mosquito Aedes Aegypti que as Agências enviam para os Sites, que rolam, mas o menos de 15 a dois meses, será que material, não estão velhas durante esses períodos todos. Diga ai sábio das mídias? Olha diferencia das matérias que circulam nos jornais semanais, se estão atrasadas e velhas, das matérias nas linhas acima que mencionamos, são mais novos do que os semanários! Agora voltamos a falar dos Jornais semanários e diários, como já comprovamos para os empresários das Agências, tanto governamentais e legislativos, se ajuntarem a tiragem de todos os semanários que circulam no interior do Estado de Rondônia, vamos obter um valor triplicamentes da tiragem do jornal do semanal em relação á quantidade dos jornais que circulam diariamente nos municípios, quantidade é muito inferior do que os semanários como já mostramos para alguns os diretores das Agências, que controlam tanto as mídias do Governo como do Legislativo e até presidente Assembleia e o diretor responsável da distribuição da mídia daquela Casa de Leis, estão aparte das nossas reclamações, mais fingem que não escutaram as nossas reinvindicações, falamos até, dos descontos das nossas mídias, eles alegam que não estão sabendo do tal desconto para o Governo. Amigos, todos os anos que muda de Executivos Governamentais e Legislativos, quando se tratam de mídias, o fumo só vem nos jornais do interior! Na gestão passadas, o fumo foi nos jornais quinzenários, os Diretores das Agências parece que funciona como uma engrenagem sincronizada, foram para cima dos jornais quinzenais, não liberariam mídias para estes os quinzenais, e alegaram que as matérias ficam velhas, por se tratar, de um jornal quinzenal mais tem alguns jornais no interior que circulam independentemente da mídia governamental e legislativo. Agora! As mesmas ladainhas estão usando com os semanários! Os diretores dos jornais dos interiores não vão engolir sapo, nem cruzar os braços, podemos ficar sem as mídias, mais vamos ao Ministério Público, para investigar o direcionamento das mídias, principalmente, nas questões de valores.
Exemplo: o jornal semanalmente que circulam no interior do estado, eles mando para aquele semanal um valor de R$ 4.000.00 – 1.400.00 % do Governo, Restou R$ 2600,00 – R$ 520,00 da agência, sobrou para o jornal, R$2.080,00 por mês, em vista de um jornal diário que publica a mesma mídia chega a receberem por mês, R$ 50.000,00 há R$ 60.000,00, colocamos essa media por baixo. Já semanário é distribuído gratuitamente, para as Secretárias dos órgãos públicos e municipais e privados, e a população em geral desde o pedreiro, pintor, encanador, vendedor ambulantes, empregadas domesticas, que querem ver os seus signos semanalmente, enquanto os jornais diários só têm acessos os órgãos públicos e municipais e privados, e a população em geral para ter acesso desde jornal, só se fizerem assinatura para ter em mãos.
Os Sites funcionam dos mesmos jeitos, os Bannys, que rolam no dia, dia, nos sites da capital do estado rolam nos sites do interior, com valores diferenciados. Exemplo Website da Capital fatura seus R$ 12.000,00 há R$ 15.000,00, os sites do interior devem receber seus R$ 4.000,00 por mês.
Os jornais semanas dos interiores podem até perder as mídias mais não vão deixar de circularem, nos interiores, nem na capital, continuaremos fiscalizando, e levando as noticias para os nossos leitores.
Mais se acontecer! O caminho é Ministério Público, que vai fiscalizar essas discrepâncias de valores das mídias do interior e relação aos veículos de comunicações da Capital.

Fonte: Clealdo Cabral.

Mais Populares

Profissionais da saúde e indígena são os primeiros vacinados contra a Covid-19 em Rondônia

O governo de Rondônia aplicou nesta terça-feira (19) as primeiras doses da CoronaVac, a vacina emergencial aprovada contra a Covid-19. Os primeiros vacinados no estado foram...

Primeiro lote de vacinas contra Covid-19 chega em Rondônia

Rondônia foi o último estado brasileiro a receber a vacina contra Covid-19. O voo com 49 mil doses da CoronaVac pousou na Base Aérea...

Cenas fortes: Ladrão é caçado em matagal e recebe correção de moradores enfurecidos; veja vídeo

No início da noite desta segunda-feira (18), um homem até o momento não identificado foi encontrado escondido em uma área de mata, no bairro...

Homem é preso após tentar vender celular para o próprio dono

Na tarde da última segunda-feira (18), policiais da 12ª DP (Copacabana) prenderam em flagrante um homem suspeito de tentar vender um celular furtado para...
Skip to content