21.7 C
Ariquemes
terça-feira, maio 11, 2021
Início Policia Amorim procura SESDEC para cobrar posição em relação as decisões da justiça...

Amorim procura SESDEC para cobrar posição em relação as decisões da justiça e sobre a ocorrência de atos violentos praticados por meliantes em sua propriedade

No dia da audiência o Governo entregou para segurança pública mais de cem novos veículos

Já cansado da apatia do Estado em relação a situação de violência que vem ocorrendo em sua fazenda, invadida por meliantes armados e ameaçando sua integridade física, impossibilitando o acesso à propriedade que é uma garantia constitucional, Ernandes Amorim, esteve na última quinta-feira (20), na Secretaria Segurança Pública do Estado para cobrar uma posição em relação as decisões judiciais já estabelecidas a seu favor.
Em conversa com o Secretário Adjunto da SESDEC, foi feito um panorama geral da situação que “está sem controle”, não sabendo mais o que fazer ou até mesmo a quem procurar para que seja resolvido a reintegração de posse, de acordo com o que a justiça prevê e determina.
Amorim assegurou não ter ciência de nenhum andamento efetivo que esclareça o que houve com os funcionários da fazenda que sumiram na invasão. “A propriedade foi tomada, invadida por indivíduos sem identidade e associações formadas somente para práticas de bandalheiras, queimadas, invasões e ameaças. Causando um verdadeiro terror na região que fica na divisa com terras indígenas”.
“Mais uma vez venho procurar as autoridades para que exerçam a sua função de manter a ordem e colocar esses maus feitores pra fora de minha propriedade. Acredito que tenham já colhido informações suficientes em duas ações que a polícia fez para que fossem de fato organizados os planos de ação desta solicitada reintegração e esclarecimento dos desaparecimentos de dois pais de família”, esclareceu Amorim.
Amorim ainda acrescentou que tem recebido notificação de que “os bandidos”, inclusive já estão fazendo marcação e comercializando as terras. Sendo vistos empresários e políticos da região negociando essa demanda. “Sei que a polícia tem como, por sistema de inteligência estar monitorando tudo isso e impedindo essa comercialização e bandidagem irregular. Meu questionamento é porque tudo isso ainda continua a acontecer. Todos esses atos ilegais. Vejo os líderes do bando andando de carros novos, caros. Uma organização criminosa”, acrescentou.
Amorim relatou ter presenciado neste mesmo dia da audiência na SESDEC, a entrega de várias viaturas e assinatura de contrato de locação de veículos para estruturar a frota de segurança do estado, “tomará que esse investimento atinja a real finalidade, porque nesse momento me sinto desamparado em relação à segurança pessoal e patrimonial que o Estado de Rondônia vem me dando como cidadão”.

Foto Ernandes Amorim: Assessoria
Foto entrega de veículos: SESDEC

Mais Populares

Departamento de Narcóticos incinera mais de 800 quilos de entorpecentes em Porto Velho

O Governo de Rondônia, por meio do Departamento de Narcóticos (Denarc), da Polícia Civil incinerou na manhã de sexta-feira (7), cerca de 800 quilos...

Boletim diário sobre coronavírus em Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga balanço...

Decreto 26.061 oferece apoio a serviços de mecanização agrícola para agricultores familiares de Rondônia

O Governo de Rondônia publicou o Decreto nº 26.061, de 6 de maio de 2021, com o objetivo de incentivar a agricultura familiar por meio...

Rondoniense 2021: Real Ariquemes vence mais uma e segue 100% no campeonato

O Real Ariquemes venceu o Rondoniense pelo placar de 1 a 0, no dia das Mães, pela penúltima rodada do campeonato estadual. O jogo...
Skip to content