23.1 C
Ariquemes
quinta-feira, janeiro 28, 2021
Início Saúde,Notícias,Destaques principal Após denúncia, Cremero realiza vistoria na policlínica Ana Adelaide em Porto Velho

Após denúncia, Cremero realiza vistoria na policlínica Ana Adelaide em Porto Velho

Fiscais do Conselho Regional de Medicina de Rondônia (Cremero) realizaram na manhã desta terça-feira (26) uma vistoria na Policlínica Ana Adelaide, em Porto Velho. Dentre os problemas apontados durante a visita, estão falhas estruturais do prédio, além da falta de medicamentos básicos de atendimento.

Segundo o diretor de fiscalização do município, Sérgio Ferreira, a visita aconteceu após uma denúncia ser repassada ao departamento de fiscalização. Dentre as suspeitas apontadas, estariam a falta de medicamentos, e de profissionais para atender a demanda existente no local.

Durante a vistoria, os fiscais identificaram que mesmo tendo sido aberta apenas há um dia, a farmácia do local não apresenta a quantidade de medicamentos essenciais para o atendimento a população.

Em relação a questões estruturais, áreas com mofo foram identificadas em consultórios e áreas de internação. Dentre os medicamentos que já não existem na unidade foram listados: ibuprofeno, amoxicilina, losartana e até mesmo morfina.

Oxímetro está quebrado e não foi substituído na Policlínica Ana Adelaide — Foto: Cássia Firmino/G1

De acordo com funcionários, além da falta de medicamentos, a policlínica não tem recebido a quantidade necessária de esparadrapos, seringas, fraldas geriátricas e lençóis. “Nós recebemos 60 lençóis por dias, mas atendemos umas 300 pessoas, então você imagina, não tem como. O equipamento de oxímetro está quebrado. Usamos um outro equipamento dos alunos que trabalham aqui”, diz um das funcionárias.

Socorro Dinavir, diretora da unidade, explica que a média de atendimentos pode chegar a 300 por dia, e que, atualmente, existem em regimes de plantão de 12h, com dois clínicos gerais e um pediatra. No entanto, o diretor de fiscalização, Sérgio Ferreira, informou que o ideal para o volume de atendimento do local seriam de cinco profissionais, sendo dois clínicos gerais e três pediatras.

Na sala de emergência, alguns utensílios apresentam deterioração — Foto: Cássia Firmino/G1

De acordo com Sérgio, esta é a primeira vistoria realizada na unidade em 2019, porém os problemas apontados no local, já haviam sido notificados em novembro, quando o Cremero recebeu denúncias das irregularidades no local.

“Nós não temos o poder de contratar novos profissionais ou coisa assim. O que o Cremero faz é fiscalizar para identificar os problemas e lançarmos em um relatório que é enviado para o prefeito, para a secretaria, e para o Ministério Público para que eles venham ter ciência e investigar para resolver a situação”, explica o diretor de fiscalização.

Mofo pode ser visto na parede da policlínica em Porto Velho — Foto: Cássia Firmino/G1

Segundo Sérgio, as fiscalizações nas unidades de saúde podem ocorrer de modo espontâneo sem um cronograma especifico ou após denúncias. As informações colhidas durante a vistoria serão postas em um relatório que irá ser apresentado às autoridades municipais de saúde para o conhecimento da situação.

A assessoria da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) informou em nota que “as fraldas geriátricas estão disponíveis no almoxarifado da secretaria, cabendo ao gerente da unidade reabastecer o estoque. Os lençóis também são disponibilizados conforme a demanda apresentada pela gerência. Se houver necessidade de uma quantidade maior ela será disponibilizada. Já os medicamentos que foram citados: amoxicilina está disponível, assim como ibuprofeno em gotas. Losartana e morfina a Semusa está aguardando a entrega”.

Mais Populares

Bandidos provocam noite de terror com arrastão e ataque a tiros em ruas do Interior de Rondônia

Moradores de Monte Negro (RO) ficaram assustados com a série de ataques de dois bandidos na noite de quarta-feira (27). Além de roubarem várias...

Ladrão rouba comunidade e tem o dedo decepado pelo ‘Tribunal do Crime’ cenas fortes: Veja o vídeo

Se você tem problemas cardíacos e por recomendações médicas não deve assistir cenas fortes em hipótese alguma, não assista ao vídeo que vamos exibir...

Desembargadores homenageiam Walter

A perda do desembargador Walter Waltenberg Silva Júnior para a covid-19, ocorrida no último domingo, 24 de janeiro, deixou consternada toda a família do...
Skip to content