Cabo da PM é agredido em boate em confusão entre capitão e policial penal

Um cabo da Polícia Militar de 36 anos foi socorrido para o hospital João Paulo II após ser agredido na madrugada deste domingo (06) em uma boate na Avenida Calama, bairro São João Bosco, região Central de Porto Velho (RO).

A confusão generalizada envolveu um capitão da PM e também um policial penal. Ninguém foi preso.

Informações  colhidas dão conta de que durante a diversão na boate um policial penal teria se desentendido com outro frequentador do ambiente. Em meio ao bate-boca, o policial penal teria sacado uma pistola

Nesta hora, o cabo da PM foi para cima e conseguiu tomar a arma do policial penal. A partir daí houve confusão generalizada e um capitão da PM que estaria com o policial penal teria ido para cima do cabo e o agredido, haja vista que a vítima estava com o celular filmando todo o ocorrido.

O cabo da PM na sequência ainda foi agredido na cabeça com uma muleta usada por um dos envolvidos na briga. Lesionado, o militar foi socorrido ao hospital João Paulo II. Uma equipe da Polícia Militar foi até a boate, mas não encontrou os outros envolvidos no caso.

A ocorrência foi registrada no 1° DP e a Polícia Civil segue na apuração.

 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Izabella Coelho

Izabella Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários