23.7 C
Ariquemes
segunda-feira, março 1, 2021
Início Notícias Forte ação policial atua na desocupação de invasores de terras produtivas no...

Forte ação policial atua na desocupação de invasores de terras produtivas no Vale do Jamari

Verdadeiras organizações criminosas estão atuando em Rondônia como invasores de terras. Uma forte ação policial teve início nesta quinta-feira (4), reintegrando a posse de terras produtivas invadidas a pouco mais de um ano na região que interliga os municípios de Campo Novo de Rondônia, Governador Jorge Teixeira e Buritis.

Durante a ação, foi constatado diversos tipos de negociações comerciais dentro das propriedades, inclusive com vendas de lotes em plena execução pelos invasores, deixando claro que a intenção não era produzir, mas somente usurpar terras alheias para fins econômicos individuais.
Proprietários das terras invadidas, relataram estarem vivendo estado de pânico desde a invasão, sofrendo graves ameaças, sem a possibilidade de se aproximarem das propriedades. “Investimentos de uma vida toda de trabalho foram depredados, desmatamento ilegal, máquinas queimadas. Funcionários que ainda estão desaparecidos desde o confronto inicial com os invasores. Verdadeiros bandidos que usam fachadas de instituições para roubar terras alheias”.
“As polícias, a justiça, órgãos ambientais específicos, precisam seguir nessa ação de garantir a segurança nas propriedades rurais, prender esses bandidos que atuam roubando terras em produção para fins próprios de comercialização. Invadindo para vender”.
“Me sinto enojado de ver tanta coisa ruim acontecendo com proprietários de terras rurais. Esses invasores que andam montados em carros e equipamentos de última geração, dizendo que precisam de terras para produzir e para ter o que comer. Essa é uma conta que não fecha”, mencionou um produtor que preferiu não se identificar.
Ainda foi relatado, que a polícia precisa continuar em ações de identificação desses bandos de invasores de terras, organizações criminosas atuantes no estado. “Essa atual ação de desocupação, vem garantir o direito dos proprietários sobre as terras, mas ali ainda precisa continuar esse trabalho policial, para que essa vagabundagem não volte para as terras”.
“Faço um pedido a justiça de nosso estado, as forças políticas, que ampliem a ação, rastreiem quem de fato está ali atuando na bandidagem, identificação de pessoas estranhas que queriam adentraram na região”, esse é meu maior pedido, a garantia de segurança para poder retornar para as terras e para que não sejam novamente invadidas”.

Mais Populares

A ARJORE- Associação Rondoniense de Jornais Eletrônicos emite nota de pesar pelo falecimento do jornalista Elessandro Alves

Com grande pesar, a ARJORE-Associação Rondoniense de Jornais Eletrônico através do seu representante Almi Coelho, e em nome de todos os filiados, lamenta a...

Na quinta noite da “Operação Restrição” população e comerciantes são orientados a seguir Decreto Estadual

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), sob a coordenação do Corpo de Bombeiros Militar,...

Boletim diário sobre coronavírus em Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga os...

Prefeita Carla Redano cancela decreto que fechava comércio em Ariquemes

A prefeita de Ariquemes cancelou o Decreto Municipal publicado na última sexta-feira (26), que fechava parte do comércio. O anuncio foi feito no final...
Skip to content