Homem é morto com tiro no tórax após tentar matar pastor em grupo de oração

Adilson Alves de Lima, 54 anos, foi morto neste domingo (27), em uma propriedade rural localizada na Estrada do Areia Branca, altura do quilômetro. A vítima morreu antes mesmo de receber atendimento médico.

Conforme apurado pela reportagem, vários evangélicos estavam em um local conhecido como “Monte da Resposta”, fazendo orações, quando Adilson agarrou o pastor pelo braço e afirmou que iria lhe matar. Um dos fiéis se identificou como policial civil e sacou sua pistola, ordenando que Adilson largasse o facão. O suspeito se negou e afirmava que iria atacar o pastor.

O policial então efetuou um disparo, que atingiu o braço de Adilson, transfixou e perfurou o pulmão. O baleado agonizou por alguns minutos e morreu. Uma equipe do Samu foi ao local e apenas pôde constatar o óbito do homem. Informações dão conta que Adilson já teria tentado matar outras pessoas no mesmo local em outras oportunidades.

O policial foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) e prestou esclarecimentos à delegada Leisaloma Carvalho. Tendo em vista ter agido em legítima defesa de terceiros, o PC prestou depoimento e foi liberado logo em seguida.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Izabella Coelho

Izabella Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários