OAB, CNBB e entidades defendem Barroso e sistema eletrônico de votação.

Propaganda do ar
blank

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, recebeu o apoio de entidades da sociedade civil e partidos de oposição ao governo, após ser atacado pelo presidente Jair Bolsonaro. Em reunião, as organizações reafirmaram o “apoio incondicional ao sistema eletrônico de votação”. A informação foi divulgada pela Folha de S. Paulo.

Em carta entregue a Barroso, as entidades também ressaltaram que “ameaçar a não realização de eleições em 2022, caso o resultado das urnas possa vir a contrariar os interesses daquele que detém o poder, é ofensa grave que não se pode tolerar”.

Saíram em defesa do ministro e da urna eletrônica: a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos Dom Paulo Evaristo Arns, a Academia Brasileira de Ciências (ABC), a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Na Câmara dos Deputados, os líderes da oposição divulgaram uma moção de solidariedade ao presidente do TSE. Bolsonaro chegou a afirmar que caso o voto impresso não fosse aprovado, não haveria eleições em 2022. “Eleições no ano que vem serão limpas. Ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições”, disse o presidente, no início de julho.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site