ZACARIAS visita veículo de comunicação e fala sobre a nova gestão 2021/2024

24x31 banner gov
blank
Anova diretoria da gestão 2021/2024 que será presidida pelo presidente eleito, Zacarias Pena Verde, com a presença do presidente em exercício, Antônio Cavalcante, em visita a sede do Diário da Amazônia na capital Porto Velho, foi recebido pelo jornalista e editor chefe, Solano Ferreira.
 A visita de cortesia, é uma das proposta de trabalho de Zacarias, para buscar mais aproximação com veículos de comunicação e jornalistas da capital e do interior.

Zacarias, foi eleito presidente do SINJOR – Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Rondônia, em substituição ao atual presidente Cavalcante que assumiu interinamente devido ao pedido de renúncia da jornalista e ex-presidente, Sara Xavier Duque Estrada.

A posse da nova diretoria está programada para o dia 7 de junho do corrente ano.

O jornalista Zacarias Pena Verde, em visita ao Diário da Amazônia, apresentou seu projeto de candidatura à presidência do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Rondônia (Sinjor). Com vasta experiência em diversas empresas de comunicação em Rondônia e Acre, Pena Verde tem amplo conhecimento das demandas da categoria.

Ele destacou a necessidade da construção da sede social do Sinjor, formalizar convênios de saúde e outros benefícios aos profissionais de comunicação. Zacarias Pena Verde também falou dos avanços obtidos pela atual diretoria que ampliou as ações no interior do estado e facilitou a regularização dos jornalistas atuantes.

O atual presidente, Antônio Cavalcante, explicou que as eleições do Sinjor devem ocorrer visando a unidade e fortalecimento da categoria. O jornalista Miro Costa, que também faz parte da diretoria, considera Zacarias como o nome de consenso para presidir a entidade.

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site