21.1 C
Ariquemes
sábado, maio 8, 2021
Início Policia,Notícias,Destaques principal Polícia investiga estupro de vulnerável após mãe da vítima denunciar em rede...

Polícia investiga estupro de vulnerável após mãe da vítima denunciar em rede social em RO

Uma mulher, de 40 anos, denunciou o estupro da sobrinha de três anos após ver o relato da mãe da menina em uma rede social. A polícia de Ji-Paraná (RO), muncípio distante cerca de 380 quilômetros de Porto Velhou, realizou buscas mas não localizou o suspeito.

Segundo o boletim de ocorrência, uma mulher acionou a Polícia Militar (PM) informando que viu uma postagem da irmã em uma rede social em que denunciava o companheiro por ter tentado abusar da filha, de três anos.

A polícia entrou em contato com a mãe da menina, que disse que morava com o companheiro, de 25 anos, e que no dia 28 de outubro chegou em casa de madrugada e encontrou o homem no quarto da filha passando a mão nos órgãos genitais da criança enquanto ela dormia.

A mulher contou que questionou o suspeito, mas ele disse que foi cobrir a menina e perebeu que ela precisava trocar a fralda. Depois uma discussão, decidiram deixar o assunto para o outro dia. A mãe da criança ainda contou que era ameaçada pelo companheiro para que não se separasse dele ou denunciasse a polícia.

A equipe da PM realizou buscas para tentar encontrar o suspeito, mas ele não foi localizado. A ocorrência foi registrada na Unidade de Segurança Pública (Unisp) de Ji-Paraná.

Mais Populares

Boletim diário sobre coronavírus em Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga balanço...

Eduardo Costa diz estar sofrendo ameaças após lançar música criticando “Troca de Hospitais por Estádios”

Eduardo Costa está apreensivo. Segundo informações do jornal O Dia, o cantor está recebendo ameaças após lançar a música ‘Cuidado’, que na letra faz...

PM prende ‘Bin Laden’ seminu, após assassinar homem enquanto dormia

Na noite anterior ao crime, a vítima Sidney Marcos da Silva Nogueira, de 41 anos, vulgo “Nei”, e um homem conhecido como “Bin Laden”...

CPI da Pandemia aprovou 101 requerimentos nesta semana

A CPI da Pandemia aprovou 101 requerimentos nesta semana. São 89 pedidos de informações e 12 para a convocação de testemunhas. Na reunião da...
Skip to content