24.5 C
Ariquemes
quarta-feira, abril 14, 2021
Início Saúde,Notícias Destaque,Regional Presidente Médici entra em estado de alerta por falta de médicos

Presidente Médici entra em estado de alerta por falta de médicos

Um decreto de estado de emergência por falta de médicos foi divulgado, no início do mês, pela Secretaria Municipal de Saúde de Presidente Médici (RO), município a pouco mais de 400 quilômetros de Porto Velho.

Conforme a pasta, o problema começou entre a saída dos profissionais cubanos e a abertura do edital para a contratação de novos médico.

O secretário de Saúde da cidade, Rubi Ferreira Costa, disse que o município contava com duas médicas cubanas anteriormente.

“Das sete equipes da saúde da família, nosso município tinha duas profissionais cubanas. Após eles deixarem o país, veio a necessidade de reposição e foi deflagrado o processo de substituição. Após isso, perdemos quatro médicos que migraram para outros municípios fora do estado”, destacou o secretário.

De acordo com a secretaria, nos primeiros quatro dias do ano, Presidente Médici ficou sem atendimento médico e precisou recorrer a outros municípios próximos.

Mas, a pasta reforçou ainda que novos médicos estão sendo contratados para normalizar os atendimentos.

 

Mais Populares

Hospital de Ariquemes fica sem energia elétrica das 13hrs às 18hrs

A Falta de energia elétrica e o não funcionamento do gerador ocorreu nesta quarta-feira, 14, no Hospital Municipal, UPA e CAR de Ariquemes, um...

Polícias são surpreendidos durante operação em área rural, em RO

Na noite de terça-feira (14), as guarnições de polícias que compõem a ‘Operação Paz no Campo e os líderes do movimento Liga dos Camponeses...

Alvo de operações durante a pandemia, CPI da COVID pode resultar em impeachment de Marcos Rocha

Instaurada nesta última terça-feira (13) no Congresso Nacional, a CPI da COVID, que inicialmente investigaria uma suposta omissão do Governo Federal nas ações de...

Bolsonaro diz que espera ‘sinalização do povo’ para ‘tomar providências’

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (14/4) que aguarda "uma sinalização do povo" para "tomar providências" a respeito das consequências econômicas causadas pela pandemia da COVID-19, entre elas...
Skip to content