Sérgio Moro autoriza atuação da Força Nacional em Rondônia

O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, autorizou o uso da Força Nacional para reforçar a segurança em Rondônia, estado que faz fronteira com a Bolívia. O uso da Força Nacional no estado foi publicado no Diário Oficial desta terça-feira (19) e tem validade de 15 dias.

Conforme a portaria publicada por Moro, a medida visa preservar a “ordem pública e a incolumidade das pessoas e do patrimônio”. Todo reforço terá apoio logístico do governo de Rondônia.

O número de policiais a ser disponibilizado em Guajará-Mirim (RO) e Nova Mamoré, cidades que fazem fronteira com a Bolívia, por exemplo, obedecerá ao planejamento definido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Conforme a portaria de Sérgio Moro, a atuação da Força Nacional na fronteira de Rondônia vai ter duração de 15 dias, mas pode ser prorrogado.

O uso da Força Nacional em Rondônia acontece cinco dias depois da Justiça transferir Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, de São Paulo para a penitenciária federal de Porto Velho.

Marcola é chefe da maior facção criminosa no país e planejava uma fuga em massa do presídio paulista.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários