MISTÉRIO: Onde foram parar os R$ 184 milhões em emendas do orçamento secreto de Marcos Rogério?

GOV RO - COVID 2022 - AGOSTO PI 39304

Senador explicou somente onde foram 35 milhões; faltam explicar mais de R$ 110 milhões

Quem vê a barba feita na régua com visual renovado de Marcos Rogério, não desconfia que falta transparência, e muita, no destino que suas emendas no chamado orçamento secreto, considerado o maior escândalo de compra de apoio desde os ‘anões do orçamento’.

 

As RP9, ou emendas do relator, passaram a ser chamadas de emendas do orçamento secreto diante da falta de transparência sobre os critérios de repasse. Tanto os nomes dos parlamentares responsáveis pelas indicações, quanto o destino desse dinheiro era mantido sob sigilo.

 

No ano passado o Supremo Tribunal Federal (STF) determinou a adoção, pelo Congresso, de medidas de transparência sobre essas emendas, bem como o envio à Corte de informações relativas às RP9, algo que ocorreu apenas em maio deste ano.

 

Com base nessa decisão do STF, a imprensa teve acesso aos números absurdos que foram distribuídos a parlamentares do chamado Centrão, que vem sendo a base de apoio do governo Bolsonaro no Congresso.

 

E o segundo maior beneficiado é o senador Marcos Rogério, pré-candidato a governador de Rondônia. De acordo com um levantamento divulgado pelo site Congresso em Foco, Rogério recebeu R$ 184.120.856,00 entre 2020/2021, perdendo apenas para Eduardo Gomes, do Tocantins:

 

 

Marcos Rogério foi um dos principais defensores do governo durante a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apurou as ações e omissões da gestão Bolsonaro durante a pandemia no Brasil.

 

Mas a grande pergunta é, onde foi parar todo esse dinheiro?

 

No último dia 7, Marcos Rogério alegou ter destinado parte das suas emendas – R$ 35 milhões – para despesas do Ministério da Defesa. Ele também conseguiu R$ 5 milhões para o município de Machadinho do Oeste adquirir máquinas e outros R$ 5 milhões a obras de iluminação pública em Ji-Paraná, a segunda maior cidade de Rondônia.

 

Até aqui, temos explicações sobre o destino de R$ 45 milhões, ainda faltam R$ 12,8 milhões. E no total falta explicar onde foram parar R$ 112.520.856,00. Já que o senador fala tanto em honestidade e transparência, poderia divulgar uma planilha detalhada de suas emendas, quem recebeu e onde foram aplicados esses recursos.

 

É o mínimo que se espera de alguém que quer comandar um Estado.

GOVERNO PI 38734

COMO VOCÊ AVALIA A GESTÃO DA PREFEITA CARLA REDANO EM ARIQUEMES?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site