Carlos Bolsonaro perde foro especial no Rio

Propaganda do ar
O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos) perdeu o direito ao foro especial. A informação foi divulgada pelo Ministério Público do Rio (MPRJ) nesta terça-feira. A partir de agora, duas investigações sobre o vereador ter empregado funcionários fantasmas em seu gabinete serão julgadas em primeira instância. 
 
A medida do MPRJ é baseada na decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que julgou inconstitucional a prerrogativa de foro estabelecida pela Constituição do Estado do Rio em favor dos parlamentares municipais.
 
Ao todo, o MPRJ informou o declínio de competência e atribuição no total de 21 ações penais originárias e investigações, respectivamente, envolvendo vereadores, objetivando que os processos e os procedimentos investigatórios tramitem na primeira instância.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
alertarondonia

alertarondonia

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
alm[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site