Criança vítima de tortura filmada está em casa de parentes e pai é solto pela Justiça

24x31 banner gov
blank

A criança de 3 anos, vítima de tortura filmada na cidade de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, está na casa de parentes junto dos três irmãos após o caso vir à tona e as imagens circularem em redes sociais. O caso é investigado pela polícia.

De acordo com a delegada Analu Ferraz, as crianças foram para casa de familiares em outro município. Órgãos da cidade foram verificar a casa e fazer relatório se a família tinha condições de receber os irmãos.

A delegada ainda falou que o pai das crianças, que acabou preso no último sábado (25), já foi solto na segunda-feira (27) após determinação judicial. Analu relatou que é investigado se a mãe das crianças sabia dos crimes e nada fez. Caso seja provado que ela tinha conhecimento, irá responder por omissão, nos casos de tortura e expor criança à situação constrangedora e vexatória.

O menino que aparece no vídeo foi ouvido em depoimento especial, mas de acordo com a delegada como a criança é muito pequena não se expressa muito bem, e a oitiva foi feita por meio de relatório psicológico. Ainda de acordo com informações, o menino não estava manchado de sangue quando chegou à delegacia. O pai da criança alegou que o menino havia caído. No dia da prisão do homem, a mãe foi conduzida, mas não foi presa em flagrante, pois não foi possível apurar se ela estava presente no momento do vídeo para ser punida na modalidade omissiva do crime.

As imagens são fortes e não serão divulgadas em respeito e para não expor a criança vítima e desamparada, tal como consta no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site