Polícia Civil divulga imagens do principal de suspeito de assassinar empresário em Cacoal; delegada pede colaboração da população

Propaganda do ar
blank

Efetivos da Polícia Civil (PC) e Polícia Militar (PM) têm trabalhado sem medir esforços para prender o suspeito de ter assassinado o empresário Gilmar Garcia na linha 11, na manhã desta quinta-feira, 28, na área rural desse município (leia mais.

A delegada Erica Demarch, responsável pelo caso, relatou ao Extra de Rondônia que a vítima estava sentada no barranco, às margens de sua propriedade a espera de maquinários que iriam abrir um carreador.

No momento do fato, Gilmar estava acompanhado de um funcionário da Secretária de Meio Ambiente. Foi quando o suspeito chegou ao local, estacionou a motocicleta atrás de um caminhão e disse que queria conversar. Nesse instante, porém, sacou de uma arma e efetuou disparos contra a vítima. Três deles acertaram o empresário, que não teve oportunidade de defesa. Após o crime, o suspeito fugiu do local.

A testemunha ocular dos fatos foi quem acionou a Polícia, que, ao chegar ao local, percebeu que a vítima estava sem vida.

A perícia também se fez presente e colheu elementos importantes do crime, identificando o calibre da arma utilizada no homicídio.

Erica Demarch, ao saber das informações da testemunha, se dirigiu até a propriedade vizinha, pois, conforme informações extraoficiais, a vítima estava tendo um problema judicial com a família do suspeito.

Durante as buscas na casa do suspeito, foram apreendidas três armas de fogo, um binóculo e farta quantidade de munições. Sendo elas: (11) munições calibre 38,  (146) munições calibre 22, (1) munição calibre 12, (10) munições calibre 28 e (1) cápsula de calibre 28. Mediante ao ocorrido, as armas e munições foram encaminhadas à Delegacia de Polícia.

Ainda, conforme a delegada, o suspeito foi identificado, sendo Ângelo José, ainda não localizado. A polícia divulgou imagens do suspeito, que é considerado foragido, e a Delegada pede a contribuição da população para que o suspeito seja preso. O telefone e WhatsApp para as denúncias é o 69 3441 – 2812.

 

Fonte: extra de Rondônia

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site