Presidente da ALE-RO, Alex Redano, participa da inauguração do Tudo Aqui em Ariquemes

Propaganda do ar

O presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redano (Republicanos), participou na manhã desta segunda-feira (29) da solenidade de inauguração da central de atendimento do Tudo Aqui em Ariquemes. A unidade de atendimento passa a funcionar no local onde antes era o fórum de justiça. O prédio recebeu investimentos do Governo, através da Superintendência de Gestão dos Gastos Administrativos (Sugesp) para reforma e adequação na estrutura para receber as instituições parceiras no atendimento ao público.

“É mais uma importante conquista para o nosso município e a região do Vale do Jamari, com o Tudo Aqui passando a funcionar num amplo espaço, oferecendo uma gama significativa de serviços públicos, tudo em um só lugar, para o cidadão ter mais comodidade e mais agilidade. Realmente, o cidadão terá um atendimento de excelência e os servidores um local adequado de trabalho”, destacou Redano.

O governador Marcos Rocha comandou a solenidade, que contou ainda com as presenças da prefeita de Ariquemes, Carla Redano, dos deputados estaduais Adelino Follador (DEM) e Eyder Brasil (PSL), do vereador Renato Padeiro, presidente da Câmara de Ariquemes, secretários de Estado e do município, vereadores e prefeitos de cidades da região do Vale do Jamari.

Em sua fala, o governador destacou que “o Tudo Aqui tem uma importante missão de democratizar e facilitar o acesso do cidadão a serviços públicos, com celeridade, respeito e eficiência”.

Tudo Aqui

Em Ariquemes, o Tudo Aqui passa a oferecer os serviços da Casa Civil (regional 2), Procon, Sine, Iperon, Sesau (4ª regional de Saúde), Seas, Sefin, Ciretran, DER, Instituto de Identificação Criminal, Receita Federal e Emater.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site