QUEDA DE RAIO MATA MAIS DE 40 BOVINOS NA REGIÃO DE OURO PRETO DO OESTE

24x31 banner gov

Mais de 40 bovinos da raça Nelore PO, pesando em media 12 arrobas cada, morreram na tarde da última segunda-feira (20) na região rural de Ouro Preto do Oeste após uma descarga elétrica provocada por queda de raio, em uma propriedade localizada numa vicinal da BR-364 sentido a Jaru, com acesso no Km 17.

O prejuízo estimado com a morte dos bovinos é de aproximadamente R$ 50 mil. O produtor, dono dos animais, comunicou o sinistro no escritório regional da Agência de Defesa Agrosilvopastoril de Rondônia ( Idaron) nesta quarta-feira (22) pela manhã, e a descarga aconteceu na segunda-feira à tarde, conforme apuraram técnicos que visitaram a propriedade e certificaram que os animais morreram eletrocutados, e também colheram informações com o vaqueiro que cuidava do gado.

O número exato de animais mortos só será comunicado à Idaron para ser dada a baixa no cadastro do criador após os bovinos serem enterrados um a um, mas fiscais que estiveram na propriedade estimam que tenha em torno de 42 a 48 animais mortos debaixo de uma mangueira.

Queimar os animais é uma das alternativas, mas uma vala enorme está sendo aberta na propriedade para que os bovinos mortos possam ser enterrados, e após esse procedimento o produtor rural vai comunicar a quantidade exata.

Os animais mortos eletrocutados pelo raio não podem ser aproveitados para consumo porque com o choque o sangue coagula, não tornando possível realizar o processo de sangria para assegurar a qualidade da carne.

Técnicos da agência Idaron fizeram o alerta para a necessidade de procurar abrigo para os animais durante chuvas e fortes tempestades. Em momento de chuvas, geralmente os animais procuram abrigos debaixo de arvores próximos a cercas e currais, mas ficam expostos ao sinistro da natureza.

 

Fonte: Correio Central

Por Edmilson Rodrigues

 

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site