Deputado Geraldo da Rondônia recebe representantes da ASJOR e reafirma compromisso de envio recurso para compra de equipamento rural

Propaganda do ar

Em mais uma audiência realizada nesta terça-feira, 4, na Assembleia Legislativa, o deputado Geraldo da Rondônia, recebeu o presidente da ASJOR (Associação dos Pequenos Produtores Rurais da Comunidade São Jorge – Ariquemes), Benigno Caetano Alves acompanhado do secretário geral da entidade, Elcio de Farias, que oficializaram pedido de envio de recurso de R$ 215 mil para compra de um trator agrícola completo, traçado e com cabine.

A solicitação do recuso é referente a um compromisso que o deputado Geraldo da Rondônia firmou com a entidade, o qual tem previsão de liberação para neste ano.

Geraldo da Rondônia ressaltou que a compra deste modelo de trator, completo levará grande benefício para a comunidade, auxiliando de forma direta na expansão da pequena produção agrícola.

A ASJOR conta com 58 famílias associadas, moradores da Linha C55 – BR 421.

O deputado ainda mencionou sobre a representatividade de Elcio de Farias, sendo uma grande liderança local, com relevantes trabalhos prestado pela comunidade. “Meu reconhecimento a toda essa dedicação a qual ainda pretendo fazer esta homenagem a este trabalhador do campo de forma oficial e pública junto a ALE/RO”.

Geraldo da Rondônia fez questão de mencionar que tem cumprido com os compromissos com a entidade, como já havia destinado recurso via prefeitura para a compra deste trator agrícola, mas devido a uma Lei que obriga a destinação por chamamento público, outra associação acabou recebendo o benefício. “Desta vez vamos fazer o envio de forma mais direta para a Associação. São muitas famílias que merecem este trator para ajudar a cuidar do cultivo local”.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
alertarondonia

alertarondonia

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site