domingo, junho 16, 2024
BANNER BASA 05 ATE 07 2024
BANNER BASA 05 ATE 07 2024
26 C
Porto Velho
domingo 16, junho, 2024
- Publicidade -
CAMPANHA AGRO PI20356 BANNER 970X250

POLÍCIA AMBIENTAL APREENDE 150 KG DE PESCADO IRREGULAR NO DISTRITO DE JACI-PARANÁ

Mais lidos

Na noite de ontem, a Polícia Militar do Estado de Rondônia, através do Batalhão de Polícia Militar Ambiental, realizou uma significativa apreensão de pescado irregular durante uma operação de fiscalização no Ramal do Arrependido, no Distrito de Jaci-Paraná. O local é conhecido pela prática frequente de pesca predatória.

Durante o patrulhamento, a equipe policial localizou uma geleira coberta por lona, contendo diversos exemplares de pirarucu e tambaqui, ambos armazenados em gelo. No entanto, os peixes encontravam-se abaixo das medidas regulamentadas pela legislação ambiental vigente. Segundo a Instrução Normativa 34/2004, o pirarucu deve ter, no mínimo, 1,20 metros de comprimento total para a manta fresca. Paralelamente, a Portaria IBAMA 08/1996 proíbe a captura, o transporte e a comercialização de tambaqui com comprimento total inferior a 55 cm.

Continua após a publicidade..

Apesar das buscas minuciosas realizadas na área, nenhum indivíduo responsável pelo pescado foi identificado ou detido. Em conformidade com as leis ambientais, a guarnição procedeu à apreensão de 150 kg de pescado. Todo o material apreendido foi, posteriormente, doado à Instituição Igreja Videira, localizada em Porto Velho, garantindo que o pescado fosse destinado a uma boa causa.

A ação da Polícia Militar Ambiental ressalta a importância da fiscalização rigorosa para a preservação dos recursos naturais e a sustentabilidade ambiental na região. O combate à pesca predatória é essencial para a manutenção dos ecossistemas aquáticos e para a proteção das espécies em risco.

Continua após a publicidade..

Em declaração, o comandante da operação destacou: “Estamos comprometidos com a proteção do meio ambiente e a aplicação das leis ambientais. A pesca predatória não apenas ameaça a biodiversidade, mas também compromete o sustento de comunidades que dependem da pesca de forma sustentável.”

A comunidade local e as autoridades ambientais elogiaram a operação, enfatizando a necessidade de ações contínuas para combater práticas ilegais que prejudicam o equilíbrio ecológico e a economia sustentável da região. As forças de segurança reafirmam seu compromisso em continuar com as operações de fiscalização e em promover a conscientização sobre a importância da preservação ambiental.

- Publicidade -
CAMPANHA AGRO PI20356 BANNER 970X250
- Publicidade -
CAMPANHA AGRO PI20356 BANNER 300X2501

Você pode gostar também!

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo