Homem armado intercepta vans com vacinas contra a Covid

Propaganda do ar

Nos Estados Unidos, um homem de 66 anos perseguiu três vans da Guarda Nacional, que levavam vacinas contra a Covid-19. Armado com uma pistola, Larry Harris alegou ser detetive e conseguiu parar os veículos ocupados por 11 militares.

O chefe da polícia de Idalou, Eric C. Williams, afirmou que os soldados abordados eram “muito jovens” e se desesperaram com a abordagem do homem. Vale ressaltar que nenhum dos militares estava armado, o que é o protocolo em missões de combate ao coronavírus.

O falso detetive foi preso e indiciado por ontenção ilegal de 11 membros da Guarda Nacional, porte ilegal de arma, falsificação de identidade de funcionário público, interferência com as forças militares do Texas e por agressão agravada com arma de fogo.

Na delegacia, Larry disse que pensava que os veículos estavam envolvidas no sequestro de uma mulher e uma criança, como relatado pelo “Washington Post”. A partir daí, ele perseguiu o grupo que transportava os imunizantes.

Após o ocorrido, as vans com as vacinas chegaram os destino final, na cidade de Matador. O caso continua sob investigação.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site