Técnico Agrícola, profissional na linha de frente do Agronegócio no Brasil

Propaganda do ar
blank

Dia do Técnico Agrícola, 5 de novembro, importantes razões para comemorar.

O Dia do Técnico Agrícola, comemorado em 5 de novembro, anualmente, em todo o território nacional, presta homenagem aos profissionais que estão na linha de frente do Agronegócio no Brasil. Responsáveis por apoiar a produção agropecuária, em suas diferentes etapas de desenvolvimento, os Técnicos Agrícolas estão diretamente ligados ao sucesso do setor, que é o grande motor da economia do país. Desde o surgimento da profissão, desafios e superações fizeram parte desta trajetória centenária.

A profissão de Técnico Agrícola surgiu com a criação do “Curso de Capatazes Rurais”, oficialmente lançado em 5 de novembro de 1910, na Escola Técnica de Agricultura em Viamão (ETA), no Rio Grande do Sul. A iniciativa visava, por meio da qualificação profissional, estabelecer as condições necessárias para a realização de um projeto nacional: transformar o país numa grande potência produtora de alimentos para o mundo. A primeira turma de formandos, em 1914, sequer imaginava que ali estavam sendo constituídos os alicerces de uma profissão que mudaria o Brasil.

Com o início da modernização da agricultura, na metade dos anos 60, os profissionais passaram a exercer um conjunto de atividades no campo, no desenvolvimento da produção. O resultado foi a melhor safra colhida em toda aquela década. Em reconhecimento ao feito, foi promulgada, em 5 de novembro de 1968, a Lei nº 5.524, que instituiu a profissão de Técnico Agrícola. A partir de então, os profissionais tornaram-se habilitados a exercer trabalhos de sua especialidade, prestar assistência técnica e elaborar e executar projetos compatíveis com a sua formação profissional.

Os Técnicos Agrícolas, no decorrer dos anos seguintes, obtiveram outras importantes conquistas: entre elas, a regulamentação da profissão (Decreto nº 90.922/1985); a condição de profissional liberal (Portaria nº 3.156/1987); a ampliação do campo de exercício profissional (Decreto nº 4.560/2002); a criação do Conselho Federal dos Técnicos Agrícolas – CFTA (Lei nº 13.639/2018).

As pressões e manobras contrárias ao processo evolutivo da profissão foram inúmeras, porém não suficientes para impedir que os Técnicos Agrícolas, conscientes de seu poder de luta, pautados nos valores da ética, cooperativismo e solidariedade, ocupassem o lugar no mercado de trabalho que lhes é de direito.

A Diretoria Executiva do Conselho Federal dos Técnicos Agrícolas (CFTA) saúda a todos os profissionais, pela passagem do Dia do Técnico Agrícola, ciente do decisivo papel que eles exercem em nossa sociedade, no desenvolvimento econômico do nosso país.

Parabéns a todos os Técnicos Agrícolas do Brasil!

CANPANHA DE 13.11.2021 GOV DE RONDONIA

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site