CBF anuncia premiação de até R$ 68,7 milhões ao campeão da Copa do Brasil de 2018

24x31 banner gov

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou nesta segunda-feira a renovação de contrato com a Rede Globo para a transmissão da Copa do Brasil entre 2018 e 2022. O novo acordo ultrapassa os R$ 300 milhões por ano, o triplo do que foi em 2016. Esse valor inclui cotas, prêmios e a logística para as equipes.

A premiação da Copa do Brasil destinará R$ 50 milhões ao campeão, R$ 20 milhões ao vice, R$ 8 milhões aos semifinalistas, além de R$ 4 milhões pela participação nas quartas de final. Somando também os valores das fases iniciais, o primeiro colocado poderá faturar até R$ 68,7 milhões, considerando que participe desde a primeira rodada.

“O valor contratado alcança a expressiva marca de R$ 2,5 milhões, em média, por partida realizada. O montante que será pago ao campeão, por exemplo, pode equivaler a mais de um terço da receita anual de 14 dos 20 clubes da Série A”, comentou o diretor executivo de gestão da CBF, Rogério Caboclo.

Os valores também são bem maiores do que foi pago no último Campeonato Brasileiro. O Palmeiras recebeu R$ 17 milhões pela conquista, quase três vezes menos do que será oferecido ao campeão da Copa do Brasil a partir de 2018.

O Santos e o Flamengo, segundo e terceiro colocados respectivamente no Brasileirão, também tiveram um prêmio modesto se comparado com o que será oferecido no torneio mata-mata. O vice-campeão brasileiro recebeu R$ 10,7 milhões, enquanto que o terceiro colocado ficou com R$ 7,3 milhões.

A Copa do Brasil reúne clubes dos 26 estados brasileiros e do Distrito Federal. Além do dinheiro, o vencedor garante vaga na Copa Libertadores. O Grêmio, atual campeão, é o principal vencedor do torneio, com cinco títulos, seguido por Cruzeiro (quatro) e Flamengo, Palmeiras e Corinthians (três cada).

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site