Acadêmico do Curso de Engenharia Civil é morto ao reagir à assalto na casa dos avós em Presidente Médici

24x31 banner gov

O crime aconteceu na noite deste sábado, dia 15, em uma propriedade rural, localizada no KM 23, cerca de 20 Km de Presidente Médici. De acordo com a Polícia, quatro indivíduos, sendo três homens e uma mulher, invadiram a sede de uma fazenda e renderam um casal de idosos. O neto do casal, o jovem universitário Dheimisson Moura Gois, de 21 anos, que estava na casa ao lado, observou uma movimentação estranha e avisto um veículo saindo do local. Então, foi até a casa e chamou pelos avós. Neste momento, ele foi surpreendido pelos bandidos e iniciou uma briga. Em dado momento, Dheimisson acabou levando duas facadas e foi executado logo em seguida com dois tiros.

Após o crime, os dois bandidos abandonaram uma motocicleta Honda XRE, de placa NCH-5827, e fugiram a pé, entrando na mata. A vítima chegou a ser socorrida com vida ao Hospital, mas acabou falecendo antes de dar entrada no PS.

Um pouco antes do jovem chegar na casa, um casal havia saído em um veículo Fiat Pálio, levando alguns pertences da casa, como um televisor LCD e uma com carne. Uma Guarnição da PM, que estava indo para o local do roubo, se deparou com o carro em fuga, já chegando na BR 364. Ao receber ordem de parada, o motorista tentou fugir em alta velocidade, porém ele foi cercado a alguns metros em frente.

Antes do carro parar, o passageiro desembarcou e fugiu entrando na mata. A motorista, identificada como Irani Riberio Juventino, de 29 anos, foi presa e confessou todo o roubo.

A Polícia também informou que o veículo Pálio foi usado em outra tentativa de roubo, ocorrido no mês passado na praça municipal de Presidente Médici, onde a vítima acabou levando um tiro na perna.

Policiais Militares, inclusive os que estão de folga, e Policiais Civis estão fazendo uma varredura pela Linha atrás dos bandidos.

A Polícia pede a quem souber de qualquer informação sobre este caso, ligar imediatamente para o 190. Não precisa se identificar.

Dheimisson Moura deixa esposa e filho. Ele cursava Engenharia Civil na UNESC, em Cacoal.

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site