Decretos impedem corte no fornecimento de água mesmo a inadimplentes durante dois meses em RO

Propaganda do ar

Decretos publicados pelas prefeituras de Rolim de Moura (RO) e Ariquemes (RO) proibiram o corte no fornecimento de água, mesmo que o cliente esteja inadimplente, pelos próximos dois meses. Além do corte de água, Rolim de Moura proibiu a interrupção do fornecimento de energia elétrica dos moradores .

As medidas dos municípios fazem parte do enfrentamento das dificuldades causadas pela pandemia do novo coronavírus.

Conforme o decreto assinado pelo prefeito de Ariquemes, Thiago Flores, as contas de água vencidas durante a vigência do decreto poderão ser parceladas em até 36 vezes, sem cobrança de juros e correção monetária.

Em Ariquemes, os cortes de água ficam proibidos até 19 de maio. Já Rolim de Moura diz que a suspensão do fornecimento de água e energia não poderão ser feitos pelas companhias até 21 de maio. Nessas duas cidades, o serviço de água e esgoto é concedido à iniciativa privada.

A assessoria de comunicação da Caerd informou que uma resolução está sendo editada e deve ser publicada ainda nesta segunda-feira (23), impedindo o corte no fornecimento durante a pandemia. O objetivo é evitar aglomerações nas lojas de atendimento da empresa.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site