EM AÇÃO CONJUNTA, PRF E PM CAPTURAM FORAGIDO EM JARU

Propaganda do ar

Na noite desta terça-feira (2), por volta das 20:00 horas, a equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Jaru recebeu informações da Polícia Militar (PM) de Ariquemes sobre um cidadão que estava deslocando-se pela BR 364, com destino ao município de Ji-Paraná, o qual possuía mandado de prisão em aberto e que também havia realizado ameaças à policiais da região do Vale do Jamari.

Durante o trabalho de fiscalização na Unidade Operacional da PRF, a equipe policial abordou um veículo de marca Fiat, modelo Siena, de cor prata, sendo que um dos seus passageiros possuía as características repassadas pela PM. Ao ser questionado sobre sua identificação, o indivíduo informou que tinha de posse apenas uma cópia da certidão de nascimento com o nome Rosinel Costa de Souza, mas as ser questionado sobre sua data de nascimento e filiação divergiu sobre as informações.

Durante entrevista à equipe, o cidadão informou seu verdadeiro nome como André Alves Alvim, de 38 anos, natural de São Paulo/SP. Ao proceder as devidas consultas aos sistemas de informação constatou-se um mandado de prisão em regime de cumprimento fechado, pelo crime de latrocínio, expedido em 18/12/2017, pela 2ª Vara Criminal de Ji-Paraná.

Ao ser preso em flagrante, o Sr Andre Alves Alvim informou que além do delito de latrocínio era autor de diversos roubos, e que fugiu do sistema penitenciário de regime semiaberto retirando a tornozeleira para ocultar seu destino. Com o cidadão também foi encontrado uma pequena porção de droga (maconha).

Após a lavratura do Boletim de Ocorrência Policial devido o cumprimento do mandado de prisão e o Porte de droga para consumo (Art. 28 da Lei 11.343/2006), o cidadão foi conduzido pelas equipes da PRF e da PM ao presídio de Jaru para os demais procedimentos cabíveis.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site