Infectado de Ouro Preto do Oeste veio em voo com 169 viajantes de 18 municípios de RO

Propaganda do ar

O homem de 57 anos, primeiro caso em Ouro Preto do Oeste/RO de paciente que testou positivo para o Covid-19, teria contaminado na cidade um parente seu de 28 anos, que é policial penal, e mais quatro pessoas na cidade.

Pode ter havido ainda a contaminação de mais indivíduos de Rondônia que viajaram com ele do Aeroporto de Congonhas em São Paulo para Porto Velho, no voo 155 da Latam do dia 21 de março.

O primeiro paciente com coronavírus de Ouro Preto saiu da cidade de Cariacica, na Grande Vitória, Espírito Santo, e segundo a Agência de Vigilância Sanitária de Rondônia (Agevisa) na conexão em São Paulo o viajante se
juntou a mais 169 viajantes que desembarcaram em Porto Velho e seguiram para 18 municípios do estado.

A Secretaria de Saúde, através da Agevisa emitiu formulários para 18 municípios solicitando o monitoramento de todos os viajantes que estavam a bordo do voo 155 da Latam, que desceu no dia 21 de março às 23h40. A biomédica Vanessa Ezaki, gerente de Vigilância Sanitária da Agevisa, que é pós-graduada em Citologia Oncótica e Endócrina, garantiu, em um vídeo,, que os 18 municípios foram notificados para que, através do departamento de Vigilância Epidemiológica municipal, fizessem o monitoramento dos viajantes.

“A partir do momento que a gente teve a notícia que esse senhor tinha entrado via aeroporto nós abrimos um malote que tem todos os viajantes nesse voo dele. Foram identificadas 169 pessoas que desembarcara, que desceram em Porto Velho no mesmo avião”, afirmou Vanessa Ezaki.

A gerente de Vigilância Sanitária da Agevisa informou sobre todo o procedimento tomado com relação a orientação de monitoramento dos viajantes que estavam no mesmo avião que o paciente de Ouro Preto do Oeste, infectado pelo Covid-19.

Entretanto, ela não revelou o nome dos 18 municípios onde moram os passageiros do voo 155.

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site