terça-feira, fevereiro 20, 2024
arigurte
24 C
Porto Velho
terça-feira 20, fevereiro, 2024
- Publicidade -
INFRAESTUTURA GOV RO 01 06.02.2024

Primo do atual prefeito de Candeias tramou morte de Chico Pernambuco

Mais lidos

Katsumi Yuji Ikenohuchi Lema, primo do atual prefeito de Candeias do Jamari, Luiz Ikenohuchi, tramou a morte do ex-prefeito Francisco Vicente de Souza (PSB), o “Chico Pernambuco”, acredita a Polícia Civil de Rondônia. Ele está foragido, mas os demais envolvidos no crime, Marcos Ventura Brito, Willian Costa Ferreira, Henrique Ribeiro de Oliveira e Diego Nagata Conceição foram presos durante a Operação Brutus, comandada pela delegada Keity Mota Soares.

 

Katsumi Ikenohuchi negociou diretamente com Marcos a morte do ex-prefeito porque Chico Pernambuco não cumpriu acordos realizados durante a campanha eleitoral. Antes da eleição, Chico Pernambuco teria negociado com o grupo do vice-prefeito que cederia a eles as secretarias de Educação e Agricultura em troca de R$ 300 mil para a campanha. Após eleito, o prefeito não cumpriu, mas pressionado concordou que o vice e seus parentes indicassem titulares das secretarias de Ambiente e Educação, mas não indicariam os demais assessores.

No entanto, de acordo com a Polícia, o estopim para a morte de Chico Pernambuco foi em 7 de março, quando o então prefeito teria interferido em uma licitação contrária aos interesses da família do vice.

A Polícia conseguiu chegar ao nome de Marcos porque o Denarc já o investigava por tráfico. Conversas entre Marcos e Katsumi foram gravadas. Segundo o que foi apurado, Marcos negociou o homicídio por R$ 50 mil.

Nesta terça-feira, a delegada Keity Mota Soares concede entrevista coletiva às 8 horas para detalhar as investigações.

- Publicidade -
INFRAESTUTURA GOV RO 01 06.02.2024
- Publicidade -
Loja da tucano
arigurte

Você pode gostar também!

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo