Câmara cassa mandato de deputada Flordelis com 437 votos

24x31 banner gov
blank

A cassação foi aprovada com os votos favoráveis de 437 deputados (Crédito: Arquivo / Reuters)

(Reuters) – A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira a cassação do mandado da deputada Flordelis, acusada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro de ser a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019.

A cassação foi aprovada com os votos favoráveis de 437 deputados, sendo contrários apenas 7, além de 12 abstenções, segundo a Agência Câmara de Notícias.

O relator do processo, deputado Alexandre Leite (DEM-SP), argumentou que a deputada usou o mandato para coagir testemunhas e ocultar provas, ressaltando que a análise do Conselho de Ética não entrou no mérito de quem é o culpado da morte de Anderson do Carmo.

Flordelis participou da sessão presencialmente e reafirmou sua inocência. “Quando o tribunal do júri me absolver, vocês vão se arrepender de ter cassado uma pessoa que não foi julgada”, disse a deputada, segundo a Agência Câmara de Notícias.

fonte; istoé

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site