Governo de Rondônia assina ordem de serviço para construção da ponte mais segura e de mão dupla em Alto Paraíso

24x31 banner gov
blank

De cidade sem ponte a município atrativo para o desenvolvimento econômico. Uma nova história começou em Alto Paraíso nesta quinta-feira (8) com a assinatura da ordem de serviço para a construção da estrutura que ligará o município à BR-364. O investimento do Governo de Rondônia é de mais de R$ 8,6 milhões. A solenidade aconteceu às margens do rio Jamari, onde o governador Marcos Rocha juntamente com a primeira-dama, Luana Rocha, conferiu in loco a situação atual da travessia.

“Licitamos uma obra completa, incluindo as cabeceiras da ponte e a pavimentação asfáltica no entorno. Estamos fazendo o que é certo”, disse o governador ao destacar que o Estado chegou ao triplo A em solidez fiscal, conseguindo equilibrar as contas e registrando, em 2021, um superávit de R$ 826 milhões, fazendo diversas obras, diferente de vários lugares do Brasil.

“E essa ponte também será feita com qualidade em respeito a população e para trazer desenvolvimento para Alto Paraíso e toda região do Vale do Jamari”, afirma o governador.

blank

Governador Marcos Rocha assina ordem de serviço para início da construção da nova ponte em Alto Paraíso

Marcos Rocha explicou ainda que a nova ponte de concreto sobre o rio Jamari, na RO-459, será mais elevada que antiga, cerca de mais de 5 metros, terá 13O metros de extensão, 8,80 metros de largura  e garantirá o acesso mais rápido e seguro para Alto Paraíso. Desta forma, a obra do Governo de Rondônia colocará fim aos transtornos de trafegabilidade na região.

“Essa obra é importante para o Vale do Jamari e demonstra a seriedade com que o Governo trata a população, pois há alguns dias o governador inaugurou uma ponte na 421 que tinha sido feita sem as cabeceiras e nesta gestão foi executada. Mas essa é diferente, ele determinou na licitação que já tenha as cabeceiras”, destacou o diretor-geral do Departamento de Estradas e Rodagens e Transporte (DER), Elias Rezende, ao enfatizar que a obra será concluída. “Essa é uma obra que não vai parar no meio do caminho, mas será finalizada, porque obras concluídas são a marca desta gestão “.

O secretário regional de Ariquemes, Euclides dos Santos, considera que a ponte dará início a uma nova etapa de desenvolvimento na região. ‘‘Com certeza a população será beneficiada com a construção dessa ponte que terá a altura necessária, será de mão dupla e uma estrutura segura para nunca mais cair com a força da água do rio Jamari, pois as obras feitas pelo Governo são de qualidade. Além disso, o escoamento da produção agrícola será muito mais rápido’’, avalia.

DESAFIOS

Há pouco mais de dois anos, a ponte que havia no local, de apenas uma mão e com 108 metros de extensão, foi comprometida com a cheia do rio Jamari. Desde então, a ligação de Alto Paraíso à BR-364 é feita por balsa. Uma travessia com custo e com a espera de cerca de 40 minutos.

A outra alternativa é pela RO-457, mais conhecida como Travessão B-40, mas o trajeto torna-se ainda mais longo, por volta de 1 hora e 30 minutos.

blank

Moradores utilizam balsa há de mais dois anos para ter acesso a Alto Paraíso

 

Morador da região, o sargento aposentado Davino dos Santos destaca que precariedade para trafegar na localidade. “Sempre passa muita carreta pesada e quando alguma dá problema na entrada da balsa, fica intransitável, então temos que voltar pelo B-40, ou seja, voltar até Ariquemes, cruzar pela ponte da 421 e pegar o travessão da B-40, no km 11. Comigo já aconteceu três vezes. E agora com o anúncio da construção da nova ponte, nossa expectativa é muito boa, pois dessa vez será de mão dupla, vai ficar bem melhor”, conta.

A mesma dificuldade é relatada pelo técnico em enfermagem Ramilson da Silva. ‘‘Sempre enfrentamos dificuldades para chegar a Alto Paraíso. Antes a travessia era pela ponte de mão única, e quando tinha muitos veículos tinha que esperar passar de um lado para outro para chegar a nossa vez, e quando a estrutura cedeu, e a travessia passou a ser por balsa, piorou, pois o tempo da espera dobrou, e ainda tem que pagar”, conta e destaca que agora o momento é de alegria. “Fiquei feliz em saber da ordem de serviço para construção dessa nova ponte, de mão dupla, pois vai facilitar para a população. Será uma benção para todo mundo que paga caro para atravessar ou que usa o desvio pela B-40, que é muito longe’’, disse o técnico de enfermagem.

‘‘Perdemos muito tempo, eu mesmo já cheguei a perder consulta médica. Para tirar o gado que tenho na propriedade em Alto Paraíso utilizando a balsa é trabalhoso, e não podemos fazer nada, só esperar. O transtorno é grande. Agora com o anúncio da nova ponte será bom demais, vai melhorar pra nós’’, avalia o produtor rural Gereci Ferreira.

blank

O técnico de enfermagem Ramilson da Silva destaca a importância da nova ponte para a população do Vale do Jamari

“Ficamos felizes com essa obra, pois representa desenvolvimento para a região. Os problemas ficarão para trás”, avalia o governador Marcos Rocha, que ainda anunciou a liberação de recurso para que o DER providencie o projeto para asfaltamento da RO-459, no trecho entre Alto Paraíso ao garimpo Bom Futuro.

SUPERAÇÃO

Para chegar até esta etapa da assinatura da ordem de serviço autorizando o início da obra, o Governo de Rondônia teve que vencer diversos desafios. “Desde o momento que startou o procedimento para implantação dessa ponte, tivemos diversos recursos administrativos junto ao Tribunal de Contas a pedido de uma empresa de fora do Estado que perdeu o processo licitatório, e tumultuou o processo. E com todos esses recursos e seus prazos para defesa e alegações, isso protelou o início da obra, mas graças a Deus, nós juntamente com a Supel, vencemos toda a burocracia, estamos dando ordem de serviço, e agora a construção da nova ponte é uma realidade”, lembrou o governador.

O presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE/RO), Alex Redano, parabenizou o Governo de Rondônia pela obra que beneficiará a região e reforçou a unidade dos poderes, resguardada a independência, em prol de atender as demandas da sociedade.

blank

Governador Marcos Rocha e o diretor do DER Elias Rezende verificam local que receberá nova ponte

Também estiveram presentes na solenidade o deputado estadual Luizinho Goebel, líder do Governo na ALE, o deputado estadual Ismael Crispin, vice-líder do Governo na ALE e o deputado estadual Adelino Follador. “É uma grande vitória, houve muitos problemas burocráticos, mas quero agradecer e parabenizar o Governo. Será uma grande obra para região”, considerou Follador.

O presidente da Câmara dos Vereadores, Edmilson Facundo, considera a data um grande dia para Alto Paraíso e disse que espera uma obra de qualidade como as demais que são feitas pelo Governo. “A antiga ponte foi uma construção mal feita, e a natureza nos tirou, e a nossa aposta agora é que o Governo faça uma obra de qualidade”.

NOVA FASE DE DESENVOLVIMENTO

A construção da ponte está prevista para acontecer em 270 dias, ou seja, nove meses. A empresa vencedora da licitação é experiente neste tipo de construção no Estado. ‘‘Nós já executamos em Rondônia para o DER, Dnit e prefeituras mais de 40 pontes de concreto, inclusive há cerca de um mês foi inaugurada uma delas pelo Governo, uma estrutura de 100 metros de extensão sobre o rio Jacy. Outra obra nossa foi feita neste mesmo rio Jamari, na 421, uma ponte de 120 metros, que o DER fez as cabeceiras. Em novembro do ano passado, foi inaugurada outra ponte que fizemos em Ji-Paraná sobre o rio Urupá com 150 metros de comprimento. Em março do ano passado entregamos uma ponte sobre o rio Melgaço, em Pimenta Bueno, de 80 metros. Atualmente estamos terminando uma ponte em Cujubim de 75 metros. Também estamos executando duas pontes para o Dnit em Guajará-Mirim’’, afirma o sócio-proprietário da empresa responsável pela obra, Eduardo Barbosa Júnior.

A incontestável experiência da empresa em obras do porte que será executado em Alto Paraíso tranquiliza a população para que desta vez a estrutura seja segura para a trafegabilidade. Eduardo ainda pontuou um cuidado a mais que será tomado na nova obra, o vão de sustentação da ponte que antes tinha um espaçamento de 12 metros passará a ser de 32 metros, facilitando o fluxo no rio.

‘‘Essa ponte que ruiu não foi a água que derrubou, foram os entulhos como pedaços de árvores trazidos na cheia excepcional. E essa ponte nova tem um sistema diferente, totalmente de concreto, será bem mais pesada, as vigas serão feitas fora, e lançadas com treliças. E o vão dela será de 32 metros, então qualquer entulho que passar, vai embora’’.

blank

Produtor rural Gereci Ferreira disse que nova ponte será o fim dos transtornos para trafegabilidade no município

Para o prefeito, João Pavan, a ponte contribuirá para uma nova fase de desenvolvimento do município que possui um perfil agrícola, especialmente com destaque para o plantio de soja e criação de gado. A cidade, segundo o prefeito, tem recebido, nos últimos anos, investidores de Mato Grosso e Paraná que têm aproveitado o lugar para a produção de soja, o que tornou as terras da cidade mais valorizadas. E o anúncio da nova ponte, derruba de vez, o último obstáculo para que a economia local avance.

‘‘Nós tivemos um período muito difícil. É uma demora para atravessar pela balsa, teve dias que a fila estava tão grande que quem chegava às 18h só conseguia atravessar às 21h, além disso, tem toda uma despeja; e no período de chuva, quem utiliza o desvio pela B-40 fica sujeito a atoleiro. E tinha muitas empresas evitando se instalar no município por causa da falta de uma ponte. E agora com a ordem de serviço para a construção da nova ponte, a população de Alto Paraíso fica feliz. Somos gratos por essa grande ação, pois antes éramos conhecidos como ‘aquele município que não tem a ponte’, e agora com a nova ponte o desenvolvimento de Alto Paraíso só tende a crescer’’, avalia o prefeito.

blank

Solenidade de assinatura da ordem de serviço para a construção da nova ponte marca uma nova fase de desenvolvimento para Alto Paraíso

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site