MP obtém no Tribunal do Júri condenação de mais um envolvido na morte de familiar de senador

24x31 banner gov
blank

O Ministério Público de Rondônia obteve no Tribunal do Júri a condenação de outro dos acusados pelo homicídio de Gilmar Lopes Moreira. A vítima, que tinha parentesco com o senador Marcos Rogério, foi torturada e morta em 23 de dezembro de 2018, no distrito de Extrema. O caso teve grande repercussão no Estado.

O julgamento ocorreu na 10ª sessão da 1ª Vara do Tribunal do Júri, na Capital, e teve a atuação do Promotor de Justiça Elias Chaquian Filho, que pediu a condenação do réu, nos termos da denúncia, por homicídio duplamente qualificado – tortura e com uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima.
O Conselho de Sentença acatou o entendimento do Ministério Público, condenando A. J. P. da C. a 13 anos de reclusão.
Gilmar Lopes Moreira foi sequestrado e morto em dezembro de 2018. Seu corpo foi encontrado em estado avançado de decomposição, na região do distrito de Extrema, em Porto Velho, com sinais de tortura e amarrado. Gilmar foi morto com disparos de arma de fogo.
Departamento de Comunicação Integrada – DCI
24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site