Policiais militares de Guajará-Mirim recuperam motocicleta furtada em Ariquemes

Propaganda do ar
blank

A motocicleta foi vista estacionada em frente a uma Praça, os policiais militares conseguiram recuperar o bem e prender uma pessoa

O veículo furtado na cidade de Ariquemes/RO estava estacionado em uma Praça do município de Guajará-Mirim/RO durante a noite desta quarta-feira, 22. Uma pessoa foi presa. 

O veículo foi furtado dentro de uma residência em Ariquemes/RO

A reportagem do jornal e site O Mamoré apurou que uma equipe do Núcleo de Inteligência (N.I) do 6º Batalhão de Polícia Militar de Fronteira realizava diligências quando avistou estacionada a Avenida Tiradentes, ao lado da Praça Marcos Aurélio Palácio, bairro Serraria, a motocicleta Biz, de cor branca, placa NEH 5334. Os policiais tendo conhecimento que o veículo foi furtado no último fim de semana na cidade de Ariquemes, solicitou apoio de uma Rádio Patrulha para realizar a abordagem, enquanto isso aguardavam alguém se aproximar do veículo. Ao avistarem um homem saindo da Praça, com um capacete de segurança na mão, ao montar na motocicleta e tentar dar partida, foi abordado e identificado sendo Leandro Pereira Cardoso, de 28 anos, com residência em Buritis/RO. Ele disse que comprou o veículo pela quantia de R$ 1.000,00 no Distrito de Rio Branco, em seguida veio trabalhar em Guajará-Mirim.

blank Leandro contou sua versão aos policiais, mas foi preso e está à disposição da Justiça

Conduzido a Delegacia de Polícia Civil juntamente com a motocicleta, Leandro foi autuado em flagrante pelo delito de receptação. A vítima foi informada da recuperação de seu bem e o caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: O MAMORÉ

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site