Justiça absolve filho que matou a mãe de 72 anos a golpes de facão

24x31 banner gov

O Juízo da 1ª Vara Criminal de Vilhena absolveu o desempregado Ivo Royer, 49 anos, do bárbaro assassinato praticado contra sua genitora, Lídia Margarida Royer, de 72, e pelo abuso e maus tratos praticados contra animais de sua residência no dia do crime.

Royer foi declarado inimputável haja vista que é portador de esquizofrenia e era incapaz de entender o caráter criminoso dos fatos praticados. Ele, no entanto, terá que ser internado para tratamento psiquiátrico por 3 anos.

O crime aconteceu dia 7 de agosto, em Vilhena. Após os crimes, o acusado tentou se matar, e ainda ameaçou vizinhos e enfrentou os policiais que atenderam a ocorrência. A medida imposta pela Justiça deve ser cumprida imediatamente, e o réu não poderá apelar em liberdade, em decorrência de seu desequilíbrio. 

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site