terça-feira, abril 23, 2024
32 C
Porto Velho
terça-feira 23, abril, 2024
- Publicidade -
ASSEMBLEIA

MÃE É ACUSADA DE PROVOCAR MORTE DE BEBÊ DE UM MÊS, AO DAR COCAÍNA

Mais lidos

Um bebê de apenas um mês morreu asfixiado na madrugada deste sábado (4), em Palmas, após a mãe supostamente dormir e rolar para cima dele.

Taynara Siel Lemos, de 20 anos, foi presa em flagrante por homicídio doloso qualificado, quando há intenção de matar. A delegada Jacqueline Coimbra, informou que a mulher confessou ter consumido bebida alcóolica e cocaína durante a noite. Além disso, há a suspeita de que ela deu a droga para o menino.

A delegada informou que tem essa suspeita porque o menino estava com as narinas inchadas, que é um indício do uso da droga. Por causa disso ela pediu exame toxicológico do bebê, que se chamava Davi Emanuel e ainda não foi registrado.

A mulher foi presa na tarde deste sábado no bairro Aureny III, na região sul de Palmas. Ela mora em Gurupi, no sul do estado, e estava na capital para visitar o pai do menino, que está preso na Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPP).

Taynara Siel disse à polícia que não conseguiu ver o companheiro e iria voltar para Gurupi, mas durante a noite consumiu as drogas com uma outra mulher.

Quando acordou, encontrou o menino sem vida. Ela alega que foi um acidente e nega ter dado cocaína para o menino.

Ainda segundo a polícia, a jovem tem ficha criminal por roubo e um registro de aborto. Ela foi levada para o Instituto Médico Legal (IML) de Palmas e depois para a Unidade Prisional Feminina de Palmas.
O G1 acompanhou a chegada da mulher no IML. Ela foi questionada sobre o caso, mas disse que não queria falar.

Fonte: G1

- Publicidade -
CAMPANHA TRANSPARÊNCIA- PNA 13.04.2024 BANNER 970X250
- Publicidade -
CAMPANHA TRANSPARÊNCIA- PNA 13.04.2024 BANNER 300X250

Você pode gostar também!

Feito com muito 💜 por go7.com.br
Pular para o conteúdo