ARTIGO: PAZ POSITIVA

24x31 banner gov

por Célio Pezza*

De acordo com o Institute for Economics & Peace (IEP), conceituado órgão de pesquisas com sedes na Austrália, Estados Unidos e México, que quantifica a paz e seus benefícios pelo mundo, uma definição de paz é a situação existente pela ausência da violência ou do medo da violência. O medo da violência é chamado de Paz Negativa, ao passo que a Paz Positiva é baseada em oito pilares, que criam o ambiente favorável para o florescimento da paz sem medo da violência em um país:

– Ambiente empresarial sólido

– Alto nível do capital humano (educação, competência, etc.)

– Baixos níveis de corrupção

– Livre acesso à informação verdadeira

– Bom relacionamento com os vizinhos

– Aceitação dos direitos dos outros

– Bom funcionamento dos órgãos governamentais

– Melhor distribuição de recursos

O IEP mede a paz no mundo há dez anos e divulgou em 2016 o seu décimo relatório chamado Global Peace Index (Índice Global da Paz), onde infelizmente conclui que o mundo piorou nos últimos dez anos. O impacto econômico da violência mundial em 2015 foi de US$ 13,6 trilhões ou seja 13,3 % do PIB. Isso equivale a US$ 5 por dia de cada habitante do mundo. É um gasto absurdo, que se tivesse outra orientação, poderia trazer a paz ao mundo nas próximas gerações. Só para termos uma ideia, uma redução de 10% no impacto econômico da violência anual, produz o equivalente a toda exportação de comida do mundo, neste mesmo período. É preciso reverter esse processo nos países que só aumentam a violência no mundo e fatalmente vão causar a nossa destruição ou a do planeta. Isso não é impossível, pois existem países que já estão com um alto índice de Paz Positiva, ao passo que outros pioram a cada ano. É só seguir o exemplo daqueles que deram certo, semear agora e colher no futuro. Esse relatório analisou 163 países e concluiu que os melhores em termos de Paz Positiva são a Islândia, a Dinamarca, Áustria e Nova Zelândia. Já os piores são Síria, Sudão, Iraque e Afeganistão. O Brasil está em 105º. lugar, perto dos Estados Unidos, que aparece em 103º. O Japão aparece em 9º. lugar. Esse Índice Global da Paz é um estudo bem amplo, com reconhecimento mundial, que mostra claramente a estupidez do ser humano em viver na violência.

*Célio Pezza é colunista, escritor e autor de diversos livros, entre eles: As Sete Portas, Ariane, A Palavra Perdida e o seu mais recente A Tumba do Apóstolo. Saiba mais em www.facebook.com/celio.pezza

————————————————————————————————————————

Sobre Célio Pezza

O escritor Célio Pezza iniciou a carreira de escritor em 1999, movido pela vontade de levar as pessoas a repensarem o modelo de vida atual dos seres humanos. Seus livros misturam realidade e suspense, e Celio já tem 8 livros publicados, inclusive no exterior, e é colunista colaborador de dezenas de jornais e revistas por todo o país. Saiba mais em: www.facebook.com/celio.pezza

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site