Casal de produtores cria ‘Barraca da Confiança’ que funciona sem vendedor em Ariquemes, RO

Propaganda do ar

Confiança é a base para o negócio de um casal de produtores, em Ariquemes (RO). Valdomiro Marques e Inês Alves abriram uma banquinha que não possui vendedor: os clientes chegam, depositam o dinheiro em uma caixinha ou transferem o valor via PIX e levam o produto que escolheram.

A ideia surgiu através da necessidade de economizar tempo. Isso porque, na propriedade que possui cerca de dois hectares, o trabalho começa antes do sol nascer.

“O dia a dia nosso aqui é assim: levantar 4 horas da manhã, só tomar um chimarrão cedo e ir pra horta. Não tem sábado, não tem domingo, não tem chuva, não tem sol. É todo dia”, comenta Valdomiro.

Tem de quase tudo um pouco: hortaliças, frutas e legumes. Apesar de uma boa quantidade de produtos, o casal encontrou dificuldade na comercialização, que muitas vezes era feita de casa em casa na cidade onde moram.

Além de tomar muito tempo que poderia ser gasto na produção, o formato causava prejuízos financeiros. Por este motivo, Valdomiro e Inês criaram a “Barraca da Confiança”.

“Já aconteceu da gente perder produto, por não ter onde entregar”, relembra o produtor.

O modelo é simples na teoria: todos os produtos possuem o preço único de R$ 3. O cliente chega, deposita o dinheiro em uma caixinha e leva para casa o produto desejado, sem nenhum vendedor presente.

“Aqui está dando certo, graças a Deus está de acordo com a nossa ideia. Nós de manhã cedo viemos pra cá, trazemos os produtos. À tardezinha eu ou meu esposo vem aqui, pega o dinheiro e leva embora”, explica Inês.

Enquanto o casal trabalha na produção, a barraca com os itens fica na Feira do Produtor de Ariquemes. Além da caixinha para depositar o dinheiro, o cliente ainda pode fazer transferência via PIX.

fonte:G1ro

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site