GRÁVIDA COM MORTE CEREBRAL DÁ À LUZ GÊMEOS APÓS 123 DIAS INTERNADA

24x31 banner gov

Foram 123 dias lutando pela vida de dois bebês. Os gêmeos estavam na barriga de Frankielen da Silva Zampoli, de 21 anos, que teve uma hemorragia cerebral e ficou internada por sete meses no Hospital Nossa Senhora do Rocio, em Campo Largo, em Curitiba. Médicos e familiares optaram por mantê-la viva para salvar a vida dos seus filhos, que nasceram prematuros, na segunda-feira (20).

 

Após ter dado entrada no hospital com hemorragia grave, três dias depois foi constatada a morte cerebral. A missão de salvar a vida dos pequenos Azaphi e Ana Vitória foi cumprida pelos médicos. O desafio, então, era manter o corpo da mãe funcionando para o desenvolvimento dos gêmeos. “Nós precisávamos manter a pressão adequada da mãe, a oxigenação adequada e manter todo o suporte hormonal e nutricional dela”, explicou o médico Dalton Rivabem, ao G1.

O monitoramento era feito 24 horas por dia. Sem reações, a mãe estava impossibilitada de dar mimos e carinhos aos filhos. “Nós trouxemos canções para as crianças. Cantávamos: 'Nós amamos vocês, um dia de cada vez'”, contou a capelã e musicoterapeuta Érika Checan.

Sete meses depois, os médicos afirmaram que não podiam mais esperar. Os bebês nasceram com a saúde compatível com a de prematuros dessa idade. A menina Ana Vitória tem 1,4 kg. Já Azaphi, 1,3 kg. De acordo com os profissionais de saúde, não há como afirmar, a princípio, se houve sequelas.

No entanto, apesar da incerteza do futuro, a história se transformou em motivos de superação para o pai das crianças, Muriel Padilha. “Foi um momento, para mim, muito bom, de muita felicidade, dia após dia. Lá dentro, a felicidade transborda, dá ânimo de vida na gente, né?! Não tem preço, sabe. A força vem deles muito pra minha vida. Da minha esposa, vai ficar a saudade e o aprendizado”, explica o pai, Muriel Padilha.

Publicado por Richard Nunes

DRT – 1613/RO

Fonte: Notícias ao Minuto

24x31 banner gov

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site