Mesmo baleado, ex-presidiário foge durante sessão de tortura

Propaganda do ar

Neste sábado (24), o ex-presidiário Carlos Henrique da Silva, também conhecido no mundo do crime pelo apelido de “Matemático ou Cachorrão”, foi raptado por vários homens e levado até uma mata. Durante uma sessão de tortura, ele conseguiu fugir, mas acabou sendo baleado na perna e nas nádegas.

De acordo com as declarações da vítima, estava andando em uma rua no município de Ouro Preto, quando foi parado por vários homens. Em seguida, foi obrigado a entrar em um veículo e levado até uma mata, na altura da Linha 04 do KM 37.

Durante a sessão de espancamento, Carlos falou que conseguiu fugir, mas acabou sendo baleado nas nádegas e na perna direita. Ele ficou escondido e ao perceber que os homens já não se encontravam mais no local, procurou ajuda em um sítio vizinho. Carlos contratou um taxista e veio para o hospital de Ji-Paraná buscar tratamento médico.

 

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site