PRF PRENDE DOIS ELEMENTOS POR PORTE ILEGAL DE ARMA, UM TINHA MANDADO DE PRISÃO EM ABERTO

Propaganda do ar

Nesta sexta-feira (17/03) por volta das 22h00m, o Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da 3ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal em Ariquemes, atendeu a ocorrência de MANDADO DE PRISÃO e PORTE ILEGAL DE ARMAS DE FOGO, na RO 457 km 30, município de Alto Paraíso.

Durante deslocamento pelo local, foi abordado o veículo GM/S10, conduzido pelo senhor A.O.S., e passageiro L.F.S., em revista ao veículo foi localizado no banco traseiro uma espingarda calibre 20, numeração inexistente e marca desconhecida, carregada com um cartucho intacto, bem como foi localizado 3 unidades de munição no mesmo local.

O senhor A.O.S. informou ter passagem pelo crime de receptação (art. 180 do CP).

Em relação ao senhor L.F.S. informou ter passagem pelo crime de homicídio tentado (art. 121 c.c. art. 14, paragrafo único do Código Penal) e Roubo (art. 157 do Código Penal).

Além do crime de porte ilegal de arma de fogo, o senhor L.F.S. possuía mandado de prisão em aberto pelo crime de roubo, mandado este com validade até o ano de 2032.

Diante dos fatos, o senhor L.F.S. foi preso em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, bem como foi dado cumprimento ao mandado de prisão existente em seu desfavor.

Em função dos fatos narrados, ambos foram conduzidos a Delegacia Polícia Civil de Ariquemes, para conhecimento e providências necessárias, sendo que o senhor A.O.S. foi conduzido em virtude de ser o condutor do veículo no qual estava a arma, e no momento da prisão não souberam informar de quem seria a mesma, o que em tese, poderá responder por porte ilegal de arma, em coautoria, interpretação essa que ficará a cargo da Autoridade Policial.

 

Da redação do Alerta Rondônia

Fonte: PRF

blank

Propaganda do ar

Como você avalia a gestão do Governo Marcos Rocha?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
airton

airton

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site