Sitiante é executado com vários tiros de espingarda por invasores de terra na frente da esposa em Porto Velho

Rui foi informado que sua terra estava sendo invadia por três homens. Chegando no local, o idoso avistou os trio derrubando parte de sua propriedade e questionou os invasores, iniciando uma discussão.

Um sitiante identificado como Rui dos Santos Barbosa, 74 anos, foi morto com vários tiros de espingarda na tarde desta quinta-feira (17), após uma discussão por terra, no Ramal Santo Expedito 2, após a ponte sobre o rio Madeira, na zona Rural de Porto Velho.

Rui foi informado que sua terra estava sendo invadia por três homens. Chegando no local, o idoso avistou os trio derrubando parte de sua propriedade e questionou os invasores, iniciando uma discussão.

Sem rodeios, um dos assassinos efetuou um tiro no homem que foi atingido no braço. A esposa de Rui, que estava dentro de uma caminhonete D20, conseguiu se esconder na mata para não morrer. Mesmo baleado e sangrando, Rui entrou em seu veículo e tentou fugir do acusado, mas não conseguiu ir muito longe e foi alcançado pelo criminoso, que o executou com mais dois tiros.

Durante os trabalhos periciais, foi constatado que os disparos atingiram o ombro, braço e perna do idoso. Agentes da Delegacia de Crimes Contra a Vida – DECCV estiveram no local, apuraram os fatos e deram inícios as investigações para capturar e prender os executores.

 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

[banner group='acima-de-politica']