Jornalista Alessandro Lubiana defende tese de doutorado Educação Mediada por Tecnologia em Rondônia foi o tema da tese de doutoramento

Propaganda do ar

O Superintendente de Comunicação Social da Assembleia Legislativa de Rondônia e coordenador de pós-graduação da Faculdade Católica de Rondônia, o jornalista Alessandro Lubiana, defendeu a sua tese de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE), da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), se tornando doutor em Educação. A orientação foi da Dra. Adriana Gomes Alves, professora do programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Educação da Univali.
O objetivo geral da pesquisa constitui-se em analisar as percepções que a educação mediada por tecnologia provocou nos alunos do Ensino Médio, em uma comunidade ribeirinha de difícil acesso na Amazônia. O local da pesquisa foi na escola General Osório no distrito de Calama, cerca de 200 quilômetros de Porto Velho. O programa de Ensino Médio Mediado por Tecnologia (EMMT) foi implantado em Rondônia no ano de 2016, tendo os primeiros formados nesta modalidade em 2019.
Para Alessandro Lubiana a educação mediada por tecnologia, melhorou a qualidade do ensino em diversas escolas do estado. “Um grande problema em Rondônia é a falta de professores formados em áreas específicas, por exemplo, física, química e filosofia, nestes lugares de difícil acesso. E o ensino mediado preenche essa lacuna”.
Lubiana argumenta que cabe olhar para a convergência entre ciência, tecnologia, sociedade, ser humano e planeta para assim concluir que o ensino mediado por tecnologia foi capaz de provocar transformações na vida dos alunos pesquisados.
Por outro lado, existe o problema da massificação da educação. “Um ensino que não distingue a população rural da urbana e usa linguagens que fazem pouco sentido para as populações indígenas, por exemplo. ” Outro problema identificado na pesquisa foi que a infraestrutura na escola ainda é bem deficitária. No decorrer do projeto, por um ano, os alunos não tiveram acesso aos notebooks conforme está previsto na criação do programa.
Para a tese Alessandro Lubiana desenvolveu uma pesquisa qualitativa com oito alunos formados na escola estadual do distrito de Calama. Foi aplicado um questionário com 35 perguntas abertas e fechadas. Para a análise dos resultados se utilizou a técnica análise de conteúdo.
A banca foi presidida pela Dra. Adriana Gomes Alves. Como membro estavam as professoras Dra. Ediene do Amaral Ferreira, Univali; Dra. Gislene Miotto Catolino Raymundo, IFSC e Diene Eire de Melo, UEL. A banca fez significativas contribuições ao trabalho apresentado e apontou a importância do estudo para a região amazônica reconhecendo a tese como aprovada.
Alessandro Lubiana disse que a parceria da Faculdade Católica com a Univali é uma conquista para o estado de Rondônia, pois promove a pesquisa cientifica neste pedaço do Brasil, que carece com a assimetria em relação a outras regiões do pais, quando se compara o número de mestres e doutores por exemplo. “O trabalho do professor e Dr. Fabio Rychecki Hecktheuer está minimizando essas diferenças e proporcionando que mais pessoas possam acessar o stricto sensu”.

GOVERNO PI 030601

COMO VOCÊ AVALIA A GESTÃO DA PREFEITA CARLA REDANO EM ARIQUEMES?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Com muito ❤ por go7.site